Gastronomia

38 restaurantes novos no Rio em 2022/2023

Publicado por
Renata Araujo

Finalmente a gastronomia carioca deu um salto depois de dois anos complicados. Desde pequenos negócios até projetos mais arrojados, temos excelentes opções de restaurantes novos no Rio, das mais variadas culinárias e em bairros diversos. Sejam italianos, brasileiros, passando pelos portugueses, espanhóis e até com influências orientais, tem para todos os gostos. Portanto, confira a nossa seleção abaixo, lembrando que todos estes novos restaurantes no Rio foram testados e aprovados pela equipe do You Must Go!

Aproveite para ler também:

+Reserve aqui seu hotel pelo melhor preço.

Restaurantes novos no Rio

Barra da Tijuca

Casa Tua Cucina

Este italiano ana Barra tem fachada discreta que faz parte do refinado projeto arquitetônico do competente Isay Weinfeld. Os ambientes são elegantes e é ótimo espaço entre as mesas. Elaborado pelo arquiteto Miguel Pinto Guimarães, dispõe ainda de um belíssimo jardim e a varanda climatizada. Além disso, destaque também para a adega, que comporta duas mil garrafas, e é assinada pelo premiado sommelier César Pasolini, que atuou por cerca de 12 anos no grupo Fasano. Quem comanda a cozinha é o chef Mairton Oliveira. No cardápio, clássicos da culinária italiana, como, por exemplo, o carpaccio de tono especiale, em fatias grossas temperado com azeite, flor de sal, pimenta do reino, limão siciliano e hortelã e o agnolotti di maialino, feito com massa recheada com leitão em molho do caldo próprio e mostarda di cremona, típica da região da Lombardia. Certamente uma ótima dica de restaurantes novos no Rio!

Vai viajar para o exterior?

Contrate aqui seu seguro viagem, testado e aprovado por nós!

Saiba Mais

Renata Araújo com Com Alves e Acciolly
Mesa na varanda climatizada
Carpaccio de tono especiale
Agnolotti Di Maialino

End: Rua Érico Veríssimo, 190, Jardim Oceânico.

D’Orcia Trattoria

O restaurante italiano que fica dentro de uma adega conta com mais de 600 rótulos – passando por regiões produtoras de mais de 18 países está entre os restaurantes novos no Rio. Exatamente por tanta diversidade, não há carta, entretanto, o sommelier Maílson Mesquita orienta os clientes na hora da escolha. O projeto, criação da arquiteta Fernanda Meissner, é divido em três salões e um mezanino. O menu tem assinatura do chef Kiko Faria, com passagens pelo Brigitte, Camolese, entre outros restaurantes. Destaque para o Agnello in salsa tartufata (lombo de cordeiro grelhado com molho de trufas servido com ravioli de batata – R$115) e o Risoto ai Gamberi (arroz arbóreo, abobora, amêndoas, camarões e queijo pecorino – R$71).

Renata Araújo no D’Orcia
A adega
O delicioso lombo de cordeiro

End.: Av. Érico Veríssimo, 901.

Gruta dO Fado

O novo português do chef Alexandre Henriques no Village Mall, tem ambiente e menu que nos remete a gastronomia lusitana, com pratos ideais para compartilhar. Um destaque para o Arroz de Pato (R$152) e o Bacalhau do Chef (R$298) mas, também há deliciosas opções de entrada como, por exemplo, o Sashimi de Atum (R$78) e a Lula à Guilho (R$72). Além disso, de Segunda a Sexta de 12h às 16h, há o menu executivo por R$89, ou seja, uma ótima pedida. E claro que o Gruta iria contar com incriveis opções de sobremesas e vinhos, para finalizar com chave de ouro, escolhi o Manjar da Dona Henriqueta (R$26), um sucesso no restaurante.

Sobremesas ótimas no Gruta dO Fado
Sashimi de atum
Ambiente do Gruta dO Fado

End: Shopping Village Mall

Ocyá

Para chegar ao restaurante localizado na Ilha Primeira é preciso pegar um barquinho, com pontos localizados na Barrinha para chegar ao restaurante. O ambiente à beira d’água e as mesinhas ao ar livre tornam a experiência agradável. Destaque para a cozinha visível através de um janelão de vidro, a parrilha com suas brasas e o balcão do bar. O chef e proprietário Gerônimo Athuel se dedica à intensa pesquisa de técnicas de conservação e maturação de peixes e frutos do mar para oferecer receitas e ingredientes que fogem do óbvio. O menu conta com opções, como por exemplo, lula na brasa recheada com cebola, tomate e manjericão fresco, e arroz caldoso de frutos do mar. Por fim, bolo de coco molhadinho, finalizado na lenha. Além disso, a carta de drinques, desenvolvida pelo chef de bar Luis Rosalvos, também conta com sugestões que harmonizam perfeitamente com os peixes e frutos do mar!

Barquinho para chegar ao Ocyá
Entrada do restaurante, um charme!
Simplesmente saborosíssimo!

End: Ilha Primeira – Barra da Tijuca (acesso via barcos que saem de pontos como Shopping Barra Point e Estação de Metrô Jardim Oceânico). 

Botafogo

Càm O´n

O Càm O´n (que significa “Obrigado” em vietnamita) restaurante de culinária tailandesa fica localizado em botafogo, possui quatro diferentes ambientes, sendo dois deles externos. Uma boa opção para ir com a família, crianças e até pet! No cardápio do restaurante tailandês em Botafogo, há também criações autorais da chefe Ana Carolina Garcia, como, por exemplo, o curry vermelho artesanal com magret de pato, lichia e arroz jasmim tailandês (R$ 83), o mais picante de todos!

Endereço: R. Visc. de Caravelas, 111

Dainer

Sabe aqueles “dinners” típicos dos Estados Unidos, que servem lanche durante todo o dia? Agora temos um no Rio para chamar de nosso! É o Dainer, o novo restaurante-café americano em Botafogo, que oferece café da manhã, almoço e drinques o dia inteiro. Um lugar inédito na cidade, e que certamente você vai se apaixonar! À frente da cozinha está o chef Eduardo Lyra, que prepara tanto itens de brunch, como sanduíches e waffles, como pratos mais fartos para quem preferir almoçar. Para beber, uma carta de cafés especiais e drinques autorais e clássicos. Além disso, o ambiente nos transporta diretamente para uma lanchonete americana, com janelões, balcão e cozinha aberta.

Cozinha aberta do Dainer
Renata Araújo e o chef Edu Lyra
Brunch no Dainer

Hatch

Um elegante japonês com uma culinária requintada, uma vista estonteante para o Pão de Açúcar, além de um ambiente sofisticado e ser administrado pelo conhecido empresário Marcel Nagayama. Sim, estou falando do Hatch: restaurante de alta gastronomia japonesa, em Botafogo, na Zona Sul do Rio. Apesar da casa ficar no 5º piso do Botafogo Praia Shopping, é possível parar o carro/uber no andar e não passar pelas lojas e nem escadas rolantes. Assinado pelo chef Josias Souza, o variado menu dispõe de entradas, principais quentes e frios, saladas, Yakimeshi, Yakissoba, além de criativos sushis e sashimis. Embora seja sofisticado, elegante e tenha uma gastronomia requintada, o Hatch tem preços atrativos para a qualidade que oferece. Portanto, se você ama japonês, precisa conhecer este restaurante no Botafogo Praia Shopping. 

Renata Araújo no Hatch
Combinados do Hatch, em Botafogo

Endereço: Botafogo Praia Shopping – Praia de Botafogo, 400. 5º PISO


Tasca da Mercearia

Irmã mais nova da Mercearia da Praça, o restaurante português conta com ambiente muito agradável, com um bouganville que envolve a porta logo na entrada. O salão abriga estantes que vão até o teto com 350 diferentes rótulos de vinhos, que podem ser consumidos à mesa ou então levados para casa. No menu, receitas autênticas lusitanas, como por exemplo, o clássico bolinho de bacalhau (R$11,90), que também vem na versão com queijo Serra da Estrela (R$17,90), o Fish&Chips (R$39,90), tiras de bacalhau crocantes, empanadas com especiarias, batatas fritas bem fininhas, e aioli de coentro feito na casa, de entradas. Entre os principais, o bacalhau à lagareiro (R$109,90), regado no azeite, com cebola roxa, batatas ao murro, salsa e azeitonas pretas e o arroz de pato (R$69,90). Na ala das sobremesas, o destaque vai para a rabanada dos sonhos (R$28,90), super recheada com creme de confeiteiro!

Duda Vétere na Tasca da Mercearia
Um charme esse bouganville
Bacalhau à Lagareiro

End: Rua Assis Bueno, 26, Botafogo.

Ipanema

Bisou Bisou *O RESTAURANTE ESTÁ FECHADO PARA UMA REFORMULAÇÃO*

O restaurante francês em Ipanema conta com dois andares: no primeiro, sofás de veludo verde e cadeiras em formato de boca, além da charmosa adega que reúne mais de 800 rótulos. Já no segundo andar, o ambiente é elegante com sofás rosas, poltronas amarelas, muitos espelhos e belas luminárias. O menu é uma verdadeira viagem ao passado, com criações recheadas de referências gastronômicas dos anos 70 e 80. Como, por exemplo, o Cocktail de Crevettes, camarão VG e molho especial da casa, com fatias de pão sourdough, de entrada. Entre os principais, o clássico camarão ao champanhe, acompanhado de arroz de amêndoas. Para fechar, o tradicional profiteroles. Além disso, A carta de drinques tem criações autorais, elaboradas pelo mixologista Marcelo Emídio, e com apresentações bem divertidas!

Renata Araújo com o com o chef Rodrigo Guimarães
Segundo andar do Bisou Bisocu
Camarões ao champanhe

End: Rua Garcia D`Ávila, 151 – Ipanema

Da Marino

O Da Marino pegou a ponte-aérea e desembarcou no Rio de Janeiro. Dos mesmos donos do Nino Cucina, o restaurante mediterrâneo em Ipanema fica em uma charmosa casa tombada de dois andares, com portas e janelas azuis e é um sucesso! O ambiente é alegre e acolhedor, e de fato nos transporta para o sul da Itália, com limões sicilianos espalhados pela decoração. No menu, pratos com ingredientes frescos, peixes e frutos do mar, principalmente de pescadores locais, assim como massas, risotos e carne. Além disso, a carta de vinhos é consistente, os drinques autorais criativos e o serviço atento. Ou seja, mais uma boa opção de novo restaurante no Rio!

Ambiente com bar do Da Marino
Entradas tipicas mediterrâneas
Renata Araújo no Da Marino

Didier

O restaurante do chef francês já existia em outro endereço, mas se mudou para Ipanema em setembro de 2022. Portanto, achamos pertinente incluir nessa lista! Em uma charmosa casa na Rua Vinícius de Moraes, Didier oferece clássicos da gastronomia francesa, executados com maestria, mas sempre valorizando os ingredientes brasileiros. Destaque, por exemplo, para o steak tartar com fritas (R$63) e escargots na manteiga de ervas e alho (R$62). Enquanto isso, nos principais, uma das sugestões é o tradicional magret de pato com palmito pupunha, aipim rosti e molho de acerola (R$92). Já os drinques que saem do bar são elaborados pelo barman Johney Cris de Oliveira.

Renata Araújo e o chef Didier
Fachada
Steak Tartar
Escargots

End: Rua Vinícius de Moraes, 124/A.

Gajos D’Ouro

O restaurante português em Ipanema, formado por 34 ex-funcionários do saudoso Antiquarius, que foi um marco na gastronomia carioca, se mudou para uma belíssima casa tombada de dois andares, na quadra da praia. Para começar, o tradicional couvert, com croquetes, bolinhos de bacalhau e queijo da serra derretido, não pode ficar de fora. Entre os principais, uma novidade é o Bacalhau à José Bonifácio – com postas de bacalhau em crosta de broa de milho e pistache, servido sobre queijo da Serra e purê de baroa trufado. Além disso, há também ótimos vinhos portugueses para harmonizar!

Entrada Gajos D’Ouro
Belíssima decoração!
Croquetes e bolinhos de bacalhau
Um clássico no Rio!

End: R. Aníbal de Mendonça, 31 – Ipanema.

Ízär

A casa de comida espanhola em Ipanema é comandada pelo chef mandrilenho e auto ditada Pepe López e é um restaurantes novos no Rio. Enquanto o ambiente é elegante e acolhedor, a culinária ibérica é legítima com releituras de alguns clássicos e inspirada no Caminho de Santiago de Compostela. Antes dos principais, obrigatório pedir umas entradas típicas, ou seja, as tapas! No menu, pratos como, por exemplo, a Campera, com ovo caipira, jamón ibérico crocante, tomate verde frito e cogumelos (R$210) e o arroz negro com pulpo – com tinta de lula, polvo, lulas na brasa e aioli (R$225). Entre as sobremesas, opções, como, a tradicional Tarta de Santiago (de amêndoas, chocolate branco, limão siciliano, canela e gel de laranja (R$32).

Renata Araújo com o chef Pepe López
Mapa com o Caminho de Santiago
Arroz negro com pulpo, divino!

End.: Rua Barão da Torre, 538 – Ipanema.

Nino Cucina

O restaurante italiano em Ipanema, na verdade é paulista e comandado pelo chef Rodolfo de Santis chegou em terras cariocas em setembro deste ano. Com autêntica culinária italiana, no menu há clássicos como, por exemplo, Cacio e Pepe e Carbonara, além de novas pastas, com destaque para o Spaghetti com flores de zucchini e mascarpone. Localizado em uma casa tombada, o Nino tem ambiente charmoso e aconchegante, com paisagismo muito bem cuidado, piso de madeira e tijolinhos na parede. Certamente uma ótima dica de restaurantes novos no Rio!

Ambiente charmoso do Nino
Massas deliciosas
Renata Araújo no Nino

End.: Rua Barão da Torre, 490.

Nôa

O novo mediterrâneo em Ipanema, vale a fama que está tendo. Na esquina da movimentada Garcia D’Ávila, o Nôa tem uma pegada sáudavel e com foco em pescados. Com ambiente e varanda agradáveis, o menu conta com uma variedade de peixes frescos como, por exemplo, o Crudo de peixe do dia com azeite de café e pistache (R$56) e o Spaghetti fresco de frutos do mar (R$92). Além disso, há ótimas opções com carne e vegetarianas no cardápio. O restaurante tem sobremesas refrescantes e diferentes, destaque para os morangos com gelato fragola e mousse de café (R$31).

Sobremesa refrescante do Nôa
Ótimas opções com peixe do dia
Amei o spaghetti com frutos do mar do Nôa

End: Rua Garcia D’Ávila, 135

Rudä

Na movimentada Garcia D’Ávila, o novo restaurante de comida brasileira do chef Danilo Parah traz receitas inspiradas na sua mãe e com toques contemporâneos. As entradas, ideais para compartilhar, trazem referências de terra e mar como, por exemplo, o Trio de Ostras (R$42) e o Pastel de Feira (R$38). Além disso, destaque de principais: a Carne de Sol (R$110) e o Camarão com Palmito (R$108) e, de sobremesa, optei pela Torta de Queijo Rudä (R$36). Portanto, uma gastronomia afetiva, com releituras sofisticadas.

Ostras incríveis do Rudä
Torta de queijo Rudä – releitura Romeu e Julieta
Pastel de feira do Rudä

End: Rua Garcia D’Ávila, 118

Souto

O novo bistrô na Casa de Cultura Laura Alvim, do renomado chef Frédéric Monnier está sendo um sucesso em Ipanema. No menu, pratos com técnicas francesas mas sabor brasileiro como, por exemplo, o Steak Tartar com batata frita (R$45), o Pirarucu Chips (R$42) e o Polvo com vinagrete do Brasil (R$89). Além disso, o Souto tem tortas deliciosas, dignas de patisserie francesa e uma extensa carta de drinques do mixologista William Barão.

Torta de chocolate
Renata Araújo e o chef Frèdèric Monnier
Entradas do Souto

End: Av Vieira Souto, 176

ToTo

O novo restaurante do chef Thomas Troisgros fica em um casarão na Praça Nossa Senhora da Paz. À frente de diversos restaurantes de sucesso, como, por exemplo, TT Burguer, CT Boucherie, e Le Blond, o ToTo é a primeira casa em que comanda sozinho. Nela, Thomas traz receitas afetivas e uma comida descomplicada, com influências culinárias de países que o próprio chef admira e sabores que ele ama como, por exemplo: coração de galinha com molho de ostras (R$48) e Galeto Assado (R$86) com molho Pierre Troisgros, cogumelos e brócolis, que está mais do que aprovado! Além disso, o ambiente é ousado e aconchegante ao mesmo tempo, com um belo bar central e a cozinha aberta.

Entradas do ToTo
Renata Araújo e o chef Thomas Troisgros
Ótimas opções de principais no ToTo

Zazá Bistrô – Livraria Travessa

A nova unidade do Zazá, na Travessa de Ipanema é uma proposta do restaurante para oferecer refeições rápidas e saudáveis o dia inteiro. No mezanino da livraria, há opções de tapiocas, waffles, sanduíches, ovos, saladas, principais e sobremesas. Recomendamos fortemente a Salada Caprese (R$39) e o Risoto al Limone com camarões (R$58). Além disso, o Zazá conta com bolos caseiros que, certamente são uma ótima pedida e, claro, que não pode faltar cafés, sucos e até vinhos e espumantes. Aliás, eles prometem novidades no cardápio de cair o queixo.

Salada Caprese do Zazá
Carrinho de guloseima do Zazá
Renata Araújo amou os pratos

Copacabana

Mamma Bette

A nova pizzaria com mais de 30 sabores em Copacabana é super recomendada por nós. Pizzas artesanais assadas no forno à lenha, são servidas no cardápio do Mamma Bette. Além disso, ótimas entradas italianas como, por exemplo, a Burrata e as crostatas de Grana Padano. Provamos massas como o Risoto de Parmesão, que me transportou direto a Itália. Certamente, o restaurante conta com diversas opções de sobremesa: brownies, sorvetes e, claro, pizzas doces para finalizar. Aliás, o Mamma tem um rooftop, ideal para eventos e aniversários e entregam por delivery também!

Preparação das pizzas artesanais
As sobremesas da Mamma Bette
Rooftop do Mamma Bette
Marguerita, sempre uma boa pedida

End: Rua Raimundo Corrêa, 11

Kinjo

A sétima casa do chef peruano Marco Espinoza, apresenta a gastronomia Nikkei, combinando a culinária japonesa com a peruana. O ambiente conta com uma decoração com concreto, ferro e madeira, bem como, cores quentes, representando o fogo e a brasa. No cardápio, algumas sugestões, como, por exemplo, o Shake Truffle, com barriga de salmão maçaricada, em fínissimas lâminas, óleo de trufa e raspa de limão, um dos meus preferidos, muito bem temperado, divino! Enquanto isso, entre os principais, adoramos o Yakisoba Kinjo, feito com macarrão japonês, mix de legumes e filé mignon e o Tuna Quinoa, com atum em crosta de quinoa, purê de cará, molho spicy e aroma nikkei. Além disso, a casa conta com uma carta de drinques com diversas opções autorais.

Renata Araújo no Kinjo
Ambiente
Shake Truffle
Tuna Quinoa

End.: R. Duvivier, 21 – Loja A – Copacabana.

Jardim Botânico

Casa 201

A nova casa no Jardim Botânico do chef João Paulo Frankenfeld, com ambiente intimista, te leva a uma experiência gastronômica. Com menu degustação com técnicas de cozinha francesa e toque autoral, criativo e afetivo, de oito etapas, é aberto apenas para o jantar. Aliás, o restaurante conta com apenas 20 lugares, portanto, é preciso fazer reserva!

End: Rua Lopes Quintas, 201

Renata Araújo na Casa 201
Cozinha aberta
Renata Araújo e o chef João Paulo Frankenfeld

Elena

Novo bar e restaurante no Jardim Botânico, localizado em uma das casas mais antigas do Horto, são cinco ambientes distintos divididos em dois andares. O diretor de arte Batman Zavareze, instalou projeções na parede, o que deixa o ambiente ainda mais animado! Uma belíssima escada de metal leva ao terraço, que eventualmente também vai ter programação cultural, o banheiro é certamente o mais original e sexy que você já viu! Sobre o menu, o asiático leva destaque positivo para, por exemplo, o carpaccio de wagyu com chips de alho, molho de gengibre, cebolinha e crocante de arroz.

Renata Araújo no Elena
Ambiente do Elena
Renata Araújo e o chef Itamar

Katz-Sū

O novo asiático descolado do chef Bruno Katz tem uma proposta de ambiente descontraído e de mistura das gastronomias tailandesa, coreana e japonesa. Além disso, o Katz-Sū conta com uma carta de drinques assinada pelo premiado mixologista Daniel Estevam. No cardápio que faz um verdadeiro passeio pela Ásia, pratos de cair o queixo como, por exemplo, o Ceviche Pan Thai (R$38), o Harumaki Fuji & Okinawa (R$43) e a Macarronada Katz-Sū (R$58). Ou seja, vale super a experiência.

A macarronada do Katz Su
Ótimos drinques no Katz Su
Ceviche Pan Thai

End: Rua Von Martius, 325

Malkah

O restaurante contemporâneo no Jardim Botânico da chef Ludmilla Soeiro conta com três andares, com direito a uma varanda super agradável. No menu autoral, ingredientes de qualidade e pratos com muita criatividade. Portanto, de entrada, destaque para o steak tartare (R$59), que ganha versão oriental com chips de alga, ovas de massago e gema, e a burrata (R$62) com creme de pimentões caramelizados e avelãs tostadas. Já entre os principais, por exemplo, a sugestão é o camarão VG (R$138) com crosta de pão de alho e risoto de limão siciliano. Destaque também para as sobremesas, por exemplo, o famoso brigadeiro da chef, em sua versão quente com biscoito maria e mel (R$ 22). Além disso, a carta de drinques fica sob o comando da Karim Torres, que prepara coquetéis autorais e personalizados.

Entrada Malkah
Camarão VG com crosta de pão de alho e risoto de limão siciliano
Sobremesas deliciosas!
Renata Araújo e a chef Ludmilla Soeiro

End: Rua Visconde de Carandaí, 2.

Leblon – Restaurantes novos no Rio

Bastarda

Muito mais que uma pizzaria estilo novaiorquina, o 10° empreendimento do chef Pedro de Artagão no Leblon, tem farto cardápio inspirado em clássicos ítalo-americanos, com massas, saladas, carnes e sanduíches. Com a fachada vermelha, o ambiente da Bastarda tem pegada industrial, com mesas e cadeiras pretas, além de baias com sofás. Entre as entradas, Mac and Cheese bites (R$38 – 4 und), bolinhos crocantes de mac and cheese, e o finíssimo carpaccio trufado (R$56), com molho de trufas negras e parmesão. O menu conta com a parte dos ”Best Sellers”, como o espaguete and meatballs american style (R$52). Enquanto isso, as disputadas pizzas, ganharam três novos sabores, como por exemplo a Napolitana (R$55/$75). Além disso, quem quiser optar pelos sanduíches. Por fim, as sobremesas também são de tirar o chapéu! Chocólatras, peçam os mini doughnuts servido com nutella e gelato de baunilha da casa, certamente você não vai se arrepender!

Bastarda Pizza
Renata Araújo e o chef Pedro de Artagão
As clássicas pizzas
Mini doughnuts servido com nutella e gelato de baunilha da casa

End: Av. Ataulfo de Paiva, 270 – loja 102 – subsolo.

Bocca del Capo

O gastrobar italiano conta com ambiente descontraído e acolhedor, com pratos autorais da culinária italiana, mas com ingredientes brasileiros, e ótimos drinques! Logo na entrada, há também uma vitrine rotativa de crudos com carnes, peixes, frutos do mar, salumeria bem como queijos locais de pequenos produtores. No menu, receitas autorais e clássicas como, por exemplo, o spaguete alla puttanesca, em molho levemente picante de tomate, alcaparras, azeitonas assadas, cavalinha defumada, ovas de truta, (R$65). Além disso, há uma carta só de Negronis, com nove tipos da bebida. Ou seja, um restaurante com clima de bar!

Charmosa varanda
Ambiente interno
Spaguete Alla Puttanesca do gastrobar italiano no Leblon
Renata Araújo com os sócios: Cristiano Lanna, André Korenblum, Luiz Petit

End: Rua Rainha Guilhermina, 95 – Leblon.

Cantina do Claude

Anexo ao Chez Claude, o italiano que resgata receitas inéditas de memórias afetivas é um novo sucesso no Leblon. O ambiente da Cantina do Claude é pequeno mas super confortável, cercado de plantas e com uma verdadeira comfort food. No cardápio, sugestões clássicas italianas como, por exemplo, polvo grelhado, burrata, carbonara e tiramisú.Ou seja, com certeza vale a ida!

End: Rua Conde Bernardotte, 26

Renata Araújo e o chef Claude Troisgros
Cantina do Claude, no Leblon
Entradas da Cantina

Clan BBQ

Restaurante especializado em cortes na brasa, que abriu onde funcionava o antigo Zuka, na Dias Ferreira. O ambiente é moderno e arrojado, divido em três áreas: a charmosa varanda, de frente para o balcão com as grelhas e nos fundos da casa. Além das carnes, há também peixes e frutos do mar no cardápio. Neste ano, aliás, foi eleito o melhor restaurante de carnes do Rio no prêmio Rio Show de Gastronomia.

+Jantar de aniversário do Spicy Fish reúne chefs renomados.

Ótimos drinques
Ambiente do Clan
Cortes nobres de carne
De fato, um ótimo restaurante de carnes no Leblon

End.: Rua Dias Ferreira, 233 – Loja B.

Henriqueta

O Henriqueta é uma tasca contemporânea luso-carioca, comandada pelo experiente chef Alexandre Henriques (da tradicional Gruta de Santo Antonio em Niterói, de 1977). O novo restaurante português no Leblon oferece uma gastronomia portuguesa de qualidade com toques modernos. Além disso, o ambiente é super agradável com mesas na calçada e ombrelones. No cardápio, destaque para o sensacional bolinho de bacalhau com queijo Serra da Estrela, empanado com farinha Panko. Enquanto isso, entre os pratos principais, destaque para o clássico Bacalhau da Henriqueta, com batatas ao murro, maionese de bacalhau e cebola e claro, o tradicional polvo à lagareiro! Por fim, a casa conta com uma excelente carta de vinhos e drinques.

Renata Araújo no Henriqueta
Bacalhau da Henriqueta

End.: R. Aristides Espinola, 121.

Itacoa

O restaurante comandado pelo chef Rafa Gomes, conta com um menu com toques franceses e orientais e uma gastronomia autoral e contemporânea. Além disso, os produtos são frescos e orgânicos. O ambiente é sofisticado e acolhedor, com a cor verde predominante, muita madeira, simpáticos ombrelones, charmosas luminárias, além de um pequeno bar com balcão. Os pratos executivos fazem um grande sucesso! Entre as entradas, por exemplo, a salada Caeser – com direito à cestinha comestível – e o saboroso tataki de wagyu. De principais, o picadinho e o hambúrguer de pato, são excelentes pedidas.

Renata Araújo e o chef Rafa Gomes
O ambiente
Entradas deliciosas!

End.: Av. Ataulfo de Paiva, 270 – Rio Design Leblon.

Kitchin

O badalado japonês de SP chegou ao Rio com ambiente aconchegante e sofisticado. No salão, quem senta no balcão consegue acompanhar o trabalho minucioso dos sushimen. Do clássico ao contemporâneo, há, portanto, seleções de sushis, niguiris, rolls, combinados e opções veganas. Entre os sushis e sashimis, destaque para os de chu-toro, vieira e prejereba. Cortes frescos e muito saborosos! Além disso, há também menu executivo durante a semana. Por fim, para beber há uma consistente variedade de drinques na carta, assim como vinhos, cervejas e saquês.

Ambiente elegante do Kitchin
O balcão
Os usuzukuri certamente são uma boa pedida
Seleção de Sushis

End.: Av. Afrânio de Melo Franco, 290 – Leblon.

Mesa do Lado

O novo projeto sensorial de Claude Troisgros, é inusitado e inovador. Uma experiência gastronômica que aguça todos os sentidos e reúne comida, projeções e música ao mesmo tempo. Uma parceria entre o chef francês mais famoso do Brasil e o consagrado diretor de arte Batman Zavarese. A Mesa do Lado pode ser considerado um speakeasy (bar ou restaurante escondido), já que a entrada é pela cozinha do restaurante Chez Claude, na Rua Conde de Bernadote. Atrás das grossas cortinas de veludo vermelho fica o salão com cozinha aberta e capacidade para doze pessoas, em seis mesas. O espetáculo começa pontualmente às 20h e tem duração de duas horas e vinte. As reservas, assim como o pagamento. O jantar conta com nove passos – divididos em três atos – em porções de tamanho perfeito. Os vinhos são todos brasileiros e de altíssima qualidade.

Horário: De quarta à sábado às 20h. Show com 2h20 de duração. Preço: R$1.420,00 por pessoa com harmonização – reservas no site.

Chef Claude Troisgros e Renata Araújo
Espetáculo
Salmão com azedinha
Renata Araújo na Mesa ao Lado

End.: Rua Conde Bernadotte 26 – Loja P, Q, R e 101.

Ocyá

O premiado restaurante de peixes, comandado pelo chef e pescador Gerônimo Athuel, especializado em frutos do mar, chegou à Zona Sul. Gerônimo é conhecido por se dedicar à intensa pesquisa de técnicas de conservação e maturação de espécies marinhas, além de priorizar a pesca consciente e seletiva. Ou seja, espere novos cortes, formatos e apresentações, que certamente fazem o Ocyá se diferenciar de outras casas. Além disso, o ambiente elegante e descontraído faz a gente se sentir no fundo do mar!

Renata e o chefe Geronimo
Ambiente do Ocyá
Pratos excelentes

Princesa – restaurantes novos no Rio

Um restaurante do chef Pedro de Artagão que tem alma de boteco e que oferece pratos clássicos da culinária brasileira com inspiração portuguesa. Na decoração do ambiente, vemos muitos ladrilhos portugueses e prateleiras que remetem à armazéns, além de lustres clássicos de botecos. Entre as boas pedidas para começar, por exemplo, estão os croquetes de pernil e lagosta, assim como as porções de torresmo de barriga e calabresa acebolada. Já entre os pratos, todos para compartilhar, o Filé à Princesa, dois medalhões de mignon cobertos de gorgonzola com arroz e seu molho rôti, e o Arroz cheio de camarões são ótimas sugestões. Além disso, na carta de bebidas não faltam opções variadas, como as batidas da casa.

Filé à Princesa
Renata Araújo no Boteco Princesa

End: R. João Líra, 148 – Leblon.

Salí

O novo mediterrâneo do chef Ricardo Lapeyre aberto na badalada Dias Ferreira traz uma proposta de passeio pelo Líbano, Marrocos, Itália… Com ambiente elegante e acolhedor, o menu do Salí conta com pratos autorais e ingredientes diversificados. Por exemplo, o Croquete de Lagostin (R$44), o Orichietti com babaganoush de quiabo (R$48) e o Spaghetti com mexilhão, lambreta, vôngole e molho dieppoise (R$83). Além disso, na carta de drinques, tem os clássicos mas, também, opções diferentes para quem gosta. Certamente, voltarei mais vezes.

Frutos do mar no Salí
Renata Araújo no Salí
Entradas típicas

End: Rua Dias Ferreira, 78

Suibi

O Suibi é o mais novo restaurante japonês na rua Dias Ferreira, a mais badalada do Leblon. Ele é uma criação do chef e empresário Sei Shiroma, dono da premiada pizzaria Ferro e Farinha, que aliás fica em frente ao Suibi. Ele faz uma homenagem aos pais, que tiveram por 30 anos o restaurante de mesmo nome em Nova York, onde Sei nasceu. Há dez anos no Brasil, este é a primeira casa de culinária japonesa, com receitas clássicas e afetivas. O elegante ambiente é super intimista com apenas oito lugares, de frente para a bancada do sushibar. Do lado de fora a capacidade é maior, com 25 mesas e ombrelones de madeira, totalizando 60 lugares Enquanto isso, a carta de drinques é assinada pela bartender paranaense Vitória Kurihara, campeã da edição nacional do World Class 2023.

Renata Araújo e o chef Sei Shiroma
Sushibar do Suibi

Taberna Rainha

Na badalada Dias Ferreira, a nova casa do chef Pedro de Artagão de culinária ibérica, ou seja, mistura de espanhola com portuguesa. Com ambiente acolhedor, a Taberna conta com entradinhas e principais de comer rezando! De entradas, sempre tem sugestões do dia na porta como, por exemplo, as ostras frescas, escabeche de peixe gordo e bife tártaro. Já de principais, tem uma variedade de pratos para compartilhar, destaque para o Fideuá mar e montanha. Por fim, o churros com doce de leite e sorvete e a indecente mousse de chocolate.

Entradas apetitosas do Taberna Rainha
Fideuá Mar e Montanha
Super aprovamos as sobremesas do Taberna Rainha

End: Rua Dias Ferreira, 233

Tiara

Aberto há pouquíssimo tempo, o mais novo restaurante do chef Rafa Gomes conta com gastronomia autoral contemporânea. O projeto arquitetônico, assinado por Fernanda Rubatino, é elegante e contemporâneo mas descontraído, para combinar com o lifestyle carioca. No consistente menu pratos delicados, criativos e com proteínas menos comuns, como o pato e a galinha d’angola. Enquanto isso, quem prefere uma boa massa, pode escolher o tagliatele de raízes, com lardo, pasta de trufas e creme de grana padano (R$64). Além do cardápio à la carte, no almoço bem como no jantar, há também o menu degustação, servido à noite. O Tiara conta ainda com uma carta de vinhos com mais de 80 rótulos e carta de drinques.

Renata Araújo e Rafa Gomes
Ambiente sofisticado
Rafa Gomes e a galinha d’angola
O tagliatelle

End: Rua Ataulfo de Paiva, 270 – loja 111 (Rio Design Leblon).

Tissai

Com conceito e decoração do empresário Geff Ruas, o restaurante asiático no Leblon conta com mesas na calçada e ambiente simpático. No comando da cozinha, está a criativa chef Juliana Palhares. Entre as opções do menu, canolli de salmão e atum com aioli de layu (R$28 – 2 und), e os combinados, como o do chef, que podem ser de 20 ou 40 peças. Além disso, o cardápio também conta com 12 pratos criados pela chef Ludmilla Soeiro, do Malkah. Enquanto isso, a ótima carta de drinques é assinada pelo mixologista Rausley Cler, que aposta nos coquetéis autorais.

Fachada do Tissai
Combinado do Chef no Tissai
Geff Ruas e Renata Araújo

End: Rua Ataulfo de Paiva, n° 1273, Leblon.

Texto e fotos por Renata Araújo e Duda Vétere. Dezembro 2022.

Atualizado em Outubro 2023

4 Dicas para seu planejamento de viagem

  1. Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.
  2. Vai viajar para o exterior e não quer ficar sem celular? Pegue seu número internacional com OMEUCHIP e garanta uma viagem tranquila.
  3. Quer rodar por aí sem depender das opções de transporte local? Alugue um carro com a rentcars.com e siga tranquilo não esquecendo de fazer um seguro auto.
  4. Curta suas férias assegurado com a GTA Seguros e evite a dor de cabeça em caso de acidente, doença, perda de mala ou outras emergências.
Compartilhe
Publicado por
Renata Araujo

Posts recentes

Alessandra Montagne no Brasil: chef do Nosso, em Paris, assina jantares em São Paulo e Bahia

Alessandra Montagne no Brasil: chef do Nosso, em Paris, assina jantares em São Paulo e…

3 dias atrás

Casa del Mar, hospedagem de luxo em Santa Monica

O Casa del Mar é uma clássica hospedagem de luxo em Santa Monica, num edifício…

3 dias atrás

Novo cardápio de almoço do Chef Rouge, bistrô francês no Jardins, em São Paulo

O clássico bistrô francês no Jardins, em São Paulo, Chef Rouge reabre para almoço com…

5 dias atrás

O que fazer em Chicago: passeios, atrações, restaurantes e hotéis

A terceira maior cidade dos EUA oferece múltiplas atrações, arquitetura exuberante e gastronomia estrelada. Saiba…

6 dias atrás

Varal: descolado bar de drinques em Pinheiros

O descolado bar de drinques em Pinheiros, Varal, completa um ano e está com novidades…

1 semana atrás

Les Deux Magots: tradicional café francês no Jardins, em São Paulo

Ponto de encontro entre intelectuais e artistas, como Jean Paul Sartre, Simone de Beauvoir, a…

1 semana atrás