Rio de Janeiro

44 restaurantes no Rio que você precisa conhecer

Publicado por
Duda Vetere

A cena gastronômica carioca tem só crescido nos últimos anos, e se você acompanha o @youmustgoblog já sabe disso! Afinal, estamos sempre por dentro de tudo que há de mais novo e de qualidade na gastronomia do Rio de Janeiro. São casas premiadas, de chefs renomados, e das mais variadas culinárias. Ou seja, há excelentes opções para quem quer comer bem no Rio. Portanto, fizemos uma seleção de 44 restaurantes no Rio que você precisa conhecer, e que foram aprovados por nós!

Aproveite para ler também:

Se você estiver de viagem marcada para o Rio, aproveite para ver nossas dicas de hotéis na cidade e não esqueça de reservar aqui com o Booking, nosso parceiro.

44 restaurantes no Rio

Barra

Casa Tua – Italiano

Com decoração sofisticada e acolhedora, o italiano na Barra é um sucesso com pratos clássicos e serviço primoroso. Destaque para a adega, que comporta duas mil garrafas. O menu conta com clássicos italianos mas também diversas carnes, massas e entradas. Além disso, as sobremesas são um caso à parte, como o tiramisú.

Vai viajar para o exterior?

Contrate aqui seu seguro viagem, testado e aprovado por nós!

Saiba Mais

Carpaccio de atum especial
Aprovamos a Casa Tua

End: Av Erico Verissimo, 190

Shiso – japonês

Com um espaçoso ambiente dentro do Hotel Grand Hyatt, o Shiso é comandado pela única sushiwoman do Rio, a chef Miriam Moryiama. tem um balcão em que os sushimen preparam os pratos de frente aos clientes. Desse balcão, saem divindades como, por exemplo; os yakitoris e makizushis, especialidades da casa. Além disso, o japonês na Barra conta com menu omakase de cinco etapas, com os melhores peixes e cortes do dia – podendo ser harmonizado com ótimos saquês.

End: Av. Lúcio Costa, 9600 

Drinques bem apresentados
Culinária japonesa

Botafogo

Sult – italiano

Em pleno Baixo Botafogo, o restaurante oferece uma gastronomia italiana criativa em um ambiente despojado e agradável, com cozinha aberta. A lasanha certamente é o carro chefe da casa, com fonduta de parmesão e pangrattato, mas há também outros pratos como o milanesa. Além disso, o Sult conta com uma completa carta de vinhos, com preferência para os naturais, orgânicos e biodinâmicos. Com certeza, uma excelente dica de restaurante no Rio.

End: Rua Fernandes Guimarães, 77

Cozinha aberta no Sult
Duda Vetere no Sult

Copacabana

Cipriani – Italiano

O restaurante italiano do Belmond Copacabana Palace tem uma estrela Michelin, e é comandado pelo chef italiano Aniello Cassese. No cardápio, pratos autorais focados nos produtos italianos autênticos e técnicas modernas. Além disso, toda a produção de pães, sorvetes e confeitaria é feita por lá. O ambiente é muito elegante, com janelas que nos permitem apreciar a clássica piscina do Copa.

End: Av. Atlântica, 1702

Cipriani
Clássica sobremesa: charuto de chocolate

Emile – Francês

Com localização privilegiada na Praia de Copacabana, o restaurante do Hotel Emiliano é comandado pelo chef italiano Camilo Vanazzi. O ambiente é sofisticado e iluminado com luz natural, e conta com uma charmosa paredes de plantas. O cardápio valoriza pequenos produtores locais, usa produtos frescos e artesanais e prioriza os frutos do mar. Vale destacar, aliás, que aos sábados, domingos e feriados, o restaurante oferece um brunch completo!

Emile prioriza os frutos do mar
Renata Araújo e Duda Vétere no Emile

End: Av. Atlântica, 3804

Mee – asiático

O restaurante estrelado e pan-asiático do icônico Belmond Copacabana Palace é comandado pelo simpático e talentoso chef Alberto Morisawa, mas conhecido como Mori. O menu faz um verdadeiro passeio pelas cozinhas tailandesa, coreana, vietnamita, chinesa e japonesa, com pratos irretocáveis. Além disso, o ambiente é sofisticado e agradável, e tem uma decoração contemporânea típica dos países orientais.

End: Av. Atlântica, 1702

Ambiente do Mee
Renata Araújo no asiático Mee

Haru – japonês

Para quem é fã da autêntica gastronomia japonesa, o Haru certamente é uma ótima opção. Com ambiente tradicional e balcão de frente aos preparos, reúne os melhores peixes do dia e iguarias como, por exemplo, ovas de ouriço, foie gras, atum toro e vieiras. Além disso, o sushi bar conta com menu omakase, uma experiência imperdível com peixes e frutos do mar fresquíssimos.

End: Rua Raimundo Correa, 10.

No balcão do Haru
Peixes frescos!

Marine

O Marine, restaurante do Fairmont Copacabana, é comandado pelo chef-executivo Jerôme Dardillac, que celebra a brasilidade nos pratos, valorizando ingredientes locais e pequenos produtores. As receitas seguem passando no Josper, um forno à carvão que atinge altas temperaturas para um braseado perfeito. Para completar, o Marine tem uma vista de cair o queixo para a Praia de Copacabana e o Pão de Açúcar!

End: Av. Atlântica, 4240

Duda Vétere no Marine
Ambiente interno

Pérgula – brasileira

À beira da icônica piscina do Belmond Copacabana Palace, o restaurante Pérgula é comandado pelo chef João Melo, que apresenta uma gastronomia sofisticada mas descontraída, valorizando os ingredientes brasileiros. Totalmente repaginada em 2017, a Pérgula conta com mesas tanto na charmosa varanda como no salão, moderno e elegante, com sofás amarelos e lustres imponentes.

End: Av. Atlântica, 1702

Renata Araújo na Pérgula
Varanda do Pérgula, no Copacabana Palace

Gávea

Guimas – Brasileira

O bistrô clássico carioca, fundado há mais de 40 anos e com os garçons mais simpáticos da cidade, é um dos maiores sucessos da Gávea. São conhecidos pelos incríveis e crocantes pasteis, bloodys marys, bacalhau, filés, além de pratos típicos de bistrô. Além disso, o ambiente do Guimas é super aconchegante, e a dica é sentar na agradável varanda!

End:  R. José Roberto Macedo Soares, 5

Varanda do Guimas
Certamente um ótimo lugar para tomar um bom chope

Braseiro – carnes/brasa

Um verdadeiro clássico no Baixo Gávea, o Braseiro oferece uma comida caseira de qualidade e excelentes carnes na brasa. Com porções fartas, acompanhamentos saborosíssimos e, claro, um chope bem tirado, nós aprovamos o restaurante. Está sempre movimentado, principalmente aos fins de semana, com fila de espera – que certamente vale a pena.

Picanha na brasa e os deliciosos acompanhamentos do Braseiro

End: Praça Santos Dumont, 116

Proa – frutos do mar

O restaurante da chef Joana Carvalho, na Gávea, tem a gastronomia focada em frutos do mar e é outra ótima dica de restaurante no Rio. No menu, opções excelentes como, por exemplo; o clássico pulpo oliva, o fish’n chips e, o mais pedido do Proa, a feijoada de frutos do mar – aprovadíssima. Além disso, a carta de drinques e vinhos é super variada e refrescante!

End: Praça Santos Dumont, 120

Renata Araújo no Proa
Pulpo Oliva do Proa, na Gávea

Humaitá

Lasai – Alta Gastronomia

Restaurante com uma estrela Michelin, do talentoso chef Rafa Costa e Silva, além de número 58 na lista dos 100 melhores restaurantes do Brasil, segundo o The World’s 50 Best Restaurants 2023. Com ambiente intimista, tem cozinha aberta e balcão para apenas oito comensais. Em seu menu degustação, o chef apresenta uma alta gastronomia irretocável, de altíssima qualidade, privilegiando os insumos brasileiros, muitos deles vindos da própria horta do Lasai.

Renata Araújo com o chef Rafa Costa e Silva e Malena, sua mulher e sommelier
Preparação dos pratos do Lasai, de alta gastronomia

End: Largo dos Leões, 35 –

Ipanema

Babbo Osteria – Italiano

Comandado pelo estrelado chef Elia Schramm, o italiano com ambiente sofisticado e aconchegante certamente conquistou corações. O Babbo conta com ótimas entradas, massas artesanais e, claro, sobremesas clássicas. Além disso, no belíssimo bar, saem drinques elaborados pela mixologista Paulinha Diniz.

Renata Araújo e o chef Elia Schramm
Massas artesanais incriveis do Babbo, em Ipanema

End: Rua Barão da Torre, 632

Esplanada Grill – carnes

Tradicional e premiado restaurante de mais de 20 anos, que conta com um famoso e farto couvert, além de cortes clássicos que vão desde à picanha até o costelão de boi. Há também diferentes acompanhamentos, assim como opções de peixes e frutos do mar para quem não come carne. Além da ótima carta de vinhos, os drinques também são sensacionais. O ambiente é aconchegante e você pode sentar do lado de fora se preferir!

End: R. Barão da Torre, 600 

Renata Araújo no Esplanada

Gajos D’Ouro – Português

Com ambiente espetacular e gastronomia de primeira, o Gajos D’Ouro é certamente uma ótima dica de restaurante em Ipanema. Uma marca da casa é o tradicional couvert, com croquetes, bolinhos de bacalhau e queijo da serra derretido a mesa. Para bons amantes de frutos do mar, como nós, recomendamos o arroz de mariscos e o bacalhau à José Bonifácio. Além disso, o restaurante português no Rio oferece ótimas sobremesas como, por exemplo, ovos nevados e encharcada de fios de ovos e, claro, uma excelente carta de vinhos portugueses.

Bar do restaurante português em Ipanema
Bacalhau do Gajos D’Ouro

End: Rua Aníbal Mendonça, 31

Gero – Italiano

No Hotel Fasano, o italiano é um sucesso e uma ótima dica de restaurante com comida e serviço excepcionais no Rio. Com vista para a praia do Arpoador, o ambiente é espaçoso e iluminado. No cardápio, uma mescla de clássicos italianos com pratos do antigo Al Mare, ou seja, massas, carnes e frutos do mar de muita qualidade. Recomendamos, por exemplo, o spaghetti profondo mare, carpaccio de mignon, papardelli de cordeiro… Além disso, o tradicional profiterole é um dos destaques nas sobremesas do Gero.

Renata Araújo no Gero
Salada de pera do Gero

End: Av Vieira Souto, 80

Izär – Espanhol

Com ambiente elegante e acolhedor, uma cozinha aberta para se ver de perto o trabalho e ritmo acelerado da equipe, o Izär é uma opção certeira que você não vai se arrepender. O cardápio do chef Pepe Lopez, inspirado no Caminho de Santiago de Compostela, traz releituras clássicas da culinária ibérica como, por exemplo, arroz bomba valenciano, campera, arroz de chuleta de cordeiro, fideuá de pescados… É quase que obrigatório experimentar os tapas (entradas), recomendamos as croquetas de jamón e o pulpo a la gallega. Além disso, o restaurante conta com uma adega e uma extensa carta de vinhos espanhóis, que combinam super com os pratos.

Arroz negro delicioso do Izar
Chef Pepe Lopez, do Izar

End: R. Barão da Torre, 538

Spicy Fish – Asiático

Oferecendo uma fusão das culinárias japonesa e coreana, o Spicy Fish, é um marco em Ipanema. O ambiente moderno, fazendo alusão a uma ilha tropical traz uma atmosfera elegante ao restaurante. O menu conta com pratos e técnicas do chef Emerson Kim e traz ingredientes saborosíssimos como, por exemplo, black cod, tempurá de polvo e, claro, os cortes dos peixes mais frescos do dia. Além disso, para quem quiser se recompensar com uma iguaria, o asiático oferece carne de wagyu – que chega na mesa crua, servida com pedras vulcânicas para grelhar.

Cortes fresquissimos no Spicy Fish
Ótimos drinques servidos no Spicy Fish, em Ipanema

End: Rua Maria Quitéria, 99

Didier – Francês

A duas quadras da praia de Ipanema, o restaurante francês no Rio conta com os clássicos da gastronomia executados com maestria. Destaque para as entradas, que super aprovamos como, por exemplo, o steak tartar, camarões sauce cocktail e a polenta cremosa com cogumelos trufados. O Didier oferece excelentes carnes, como magret de pato, coelho assado, mignon na crosta e dourado e, claro, clássicas sobremesas francesas. Certamente um restaurante no Rio que você precisa ir!

Didier, restaurante francês em Ipanema
Steak tartar, ótima opção de entrada francesa

End: Rua Vinicius de Moraes, 124

ToTo

O ToTo é comandado pelo chef Thomas Troisgros e fica no coração de Ipanema, em um casarão na Praça Nossa Senhora da Paz. À frente de diversos restaurantes de sucesso, como TT Burguer, CT Boucherie, e Le Blond, o ToTo é a primeira casa em que comanda sozinho. Nela, Thomas traz receitas afetivas e uma comida descomplicada, com influências culinárias de países que o próprio chef admira e sabores que ele ama. Além disso, o ambiente é ousado e aconchegante ao mesmo tempo, com um belo bar central e a cozinha aberta.

End: Rua Joana Angélica, 155

Renata Araújo, chef Thomas Troisgros e Duda Vétere
Pratos bem apresentados

Venga – Espanhol

O famoso bar de tapas conta com uma varanda super agradável em Ipanema e um cardápio com clássicos espanhóis. Alguns dos sucessos do Venga foram aprovados por nós como, por exemplo, as croquetas de camarão, os vinagretes de polvo e de lula e o perrito caliente. Além disso, o espanhol também oferece menu executivo durante a semana. m De fato, uma ótima dica de restaurante em Ipanema.

Entradas clássicas do Venga
Super aprovamos o Venga!

End: Rua Garcia d’Avila, 147

Leblon

Oro – Brasileiro

Com 2 estrelas Michelin, do renomado chef Felipe Bronze, o Oro é um sucesso com ambiente aconchegante, cozinha aberta e balcão. O restaurante privilegia a gastronomia brasileira mas tem influência japonesa, espanhola e argentina, assim sendo, conta com um forno a carvão, uma parilla e um yakitori. Diante disso, o restaurante preza pela apresentação do pratos, criatividade na combinação dos ingredientes e um show de sabores.

End: Av. Gen. San Martin, 889

Galeto Rainha – Brasileira

Um dos mais de 10 restaurantes do chef Pedro de Artagão, o Galeto Rainha é para quem gosta de uma boa carne na brasa, com excelentes acompanhamentos. O restaurante tem o ambiente descontraído e ótimas entradas para compartilhar, como o coração e o clássico pão de alho. Galeto completo, lombinho e picanha são algumas das opções de principais. Aliás, o chope bem tirado também não pode faltar!

Entrada do Galeto Rainha, no Leblon
Galeto do Rainha, com acompanhamentos

End: Rua Dias Ferreira, 259

Nam Thai – Tailandês

Um dos únicos do Brasil a ostentar o titulo de qualidade e autenticidade de gastronomia tailandesa. O restaurante no Leblon tem como destaque os dim sum, especialmente as recheadas de camarões e vegetais. No Nam Thai, aberto há mais de 10 anos, o diferencial são os ingredientes fabricados no próprio restaurante mas com a delicadeza oriental. Ou seja, uma verdadeira viagem pelos sabores exóticos que certamente vale a ida.

Clássico dim sum, do Nam Thai
Vieiras, ótima opção de entrada

End: R. Rainha Guilhermina, 95 – LOJA B

Chez Claude – Francês

Comandado pelo chef Claude Troisgros, o restaurante no Leblon tem um ambiente informal, moderno e aconchegante, com a cozinha no centro do salão e balcão. Vencedor do melhor restaurante francês do Rio pela Veja Comer&Beber, o menu conta com pratos para serem compartilhados, sendo renovado com frequência, porém, mantendo os clássicos. 

End: Rua Conde Bernadotte, 26

Renata Araújo no Chez Claude

Clan BBQ – Carnes e Brasa

O premiado restaurante de carnes, na badalada Dias Ferreira, conta com um cardápio inteiro que passa pela brasa e carvão. O ambiente é moderno e arrojado, divido em três áreas: charmosa varanda, de frente para o balcão com as grelhas e nos fundos da casa. Além das carnes, há também peixes e frutos do mar no cardápio. 

Um dos melhores restaurantes de carne do Leblon
Picolé mineiro do Clan BBQ

End: Rua Dias Ferreira, 233

Giuseppe Grill – carnes

Um dos melhores restaurantes de carnes do Rio, que cortes tradicionais e exclusivos, como a Picanha Supra Sumo, marca registrada da casa, além de acompanhamentos variados. O ambiente é sofisticado mas descontraído, com direito a um balcão onde ficam expostos os frutos do mar e peixes mais frescos. Ou seja, tem para todos os gostos.

End: Av Bartolomeu Mitre, 370

Renata Araújo no Giuseppe Grill

Togu – asiático

No bairro há quase 20 anos e com mesinhas na calçada, o Togu traz uma atmosfera descontraída e acolhedora. Nos pratos, recomendamos por exemplo, tempurá de camarão com wakami, o super hot de atum, wok de camarão, atum stir fry… Ou seja, com certeza vale a experiência no asiático no Leblon.

End: Rua Dias Ferreira 90B

Renata Araújo no Togu

Tissai – Asiático

Uma verdadeira viagem pela Ásia e seus temperos e preparos elaborados pela criativa chef Juliana Palhares. O Tissai, no Leblon tem um ambiente aconchegante, com uma varanda espaçosa e área interna mais intimista e com um balcão. Além dos clássicos como sashimis e sushis com os peixes mais frescos, o asiático também conta com pratos quentes clássicos da gastronomia. Aliás, vale muito a pena experimentar um dos drinque da carta, autorais e super saborosos além de, claro, ótimos saquês.

Varanda do Tissai, asiático no Leblon
Entradas asiáticas do Tissai super aprovadas

End: Av. Ataulfo de Paiva, 1273

Tiara – Autoral Contemporâneo

Do renomado chef Rafa Gomes, vencedor do Masterchef Profissionais, o Tiara tem uma gastronomia autoral com uma aposta nos ingredientes frescos e, em maioria, nacionais. O menu é delicado, criativo e com proteínas pouco usadas como, por exemplo, o coelho e o pato que são servidos em vários pratos do chef. Além disso, o restaurante conta com ótimas entradas e massas. Portanto, uma experiência imperdível em pleno Rio Design Leblon.

Adorei o Tiara, do Rafa Gomes
Galinha d’Angola do Tiara

End: Av Ataulfo de Paiva, 270 – 111

Massa – italiano

Uma trattoria moderna do chef Pedro Siqueira, da Ella Pizzaria, tem ótimos ambientes interno e externo na parte mais tranquila da Dias Ferreira. O italiano vai muito além das massas, conta com uma variedade de pratos com carnes, frutos do mar, saladas e vegetarianos. O destaque da casa são as entradas, ideais para compartilhar como, por exemplo, o gnocchi frito, steak tartar trufado, caprese e chips de massa de pizza. Para beber, carta de drinques com sugestões autorais e clássicas, assim como sugestões de vinhos. Ou seja, uma ótima sugestão de restaurante italiano no Rio.

Steak tartar trufado, do Massa
Excelente polvo com batatas

Nido – Italiano

Em um casarão construído na década de 90, o cardápio conta com releituras de pratos tradicionais, criados pelo chef Rudy Bovo. De fato o restaurante ideal para quem gosta de criatividade na gastronomia italiana.

End: Av. Gen. San Martin, 1.011

Fachada do Nido
Renata Araújo no Nido

Le Blond – francês

Para quem deseja experimentar uma verdadeira gastronomia francesa, o Le Blond é a escolha certa! Do chef Thomas Troisgros, o ambiente descontraído nos transporta diretamente para uma brasserie francesa com receitas autorais, servidas em panelinhas para compartilhar. Portanto, qualquer prato que você pedir será um acerto neste encontro culinário entre França e Brasil, que valoriza bastante a qualidade dos ingredientes. Por fim, há também ótimos drinques e vinhos.

Ótimos pratos franceses
Decoração com utensílios do Le Blond

End: Av Ataulfo de Paiva, 1321

Sushi Leblon – japonês

Conhecido sempre pela excelência na comida e pelo serviço atento, o Sushi Leblon é um clássico de três décadas no Leblon. Um dos responsáveis pela revolução da gastronomia japonesa no Rio, as duplas especiais merecem destaque, como por exemplo, o foie gras bruléee o sushi com azeite trufado e ovo de codorna. Imperdíveis também o crispy rice com atum ou salmão, os tempuras variados e as sobremesas, como o famoso brigadeiro do Zuka, com biscoito maisena, criação da chef Ludmilla Soeiro. 

Balcão do Sushi Leblon
Sushi Leblon, um clássico no Rio

End: Rua Dias Ferreira, 256

Suibi – japonês

O Suibi é o mais novo restaurante japonês na rua Dias Ferreira, a mais badalada do Leblon. Ele é uma criação do chef e empresário Sei Shiroma, dono da premiada pizzaria Ferro e Farinha, que aliás fica em frente ao Suibi. Ele faz uma homenagem aos pais, que tiveram por 30 anos o restaurante de mesmo nome em Nova York, onde Sei nasceu. Há dez anos no Brasil, este é a primeira casa de culinária japonesa, com receitas clássicas e afetivas. O elegante ambiente é super intimista com apenas oito lugares, de frente para a bancada do sushibar. Do lado de fora a capacidade é maior, com 25 mesas e ombrelones de madeira, totalizando 60 lugares Enquanto isso, a carta de drinques é assinada pela bartender paranaense Vitória Kurihara, campeã da edição nacional do World Class 2023. Portanto, uma gastronomia japonesa sofisticada e drinques premiados em pleno Leblon.

End: Rua Dias Ferreira, 45

Renata Araújo e o chef Sei Shiroma
Autêntico asiático no Leblon

Tin Tin

A badalada Dias Ferreira ganhou mais uma novidade de peso! É o Tin Tin, o boteco do premiado chef Rafa Gomes, eleito o Chef do Ano pela Veja Rio Comer&Beber 2023. Um bar de alma carioca, com ambiente descontraído, mesas na calçada, comida boa e, claro, aquele chopp gelado. Ou seja, ideal para o pós-praia, happy hour com os amigos, almoço com a família ou até mesmo a dois! No Tin Tin, Rafa traz pratos simples mas saborosos, desde os petiscos tradicionais de botequim, até releituras e sanduíches. Esta é a terceira casa do chef na cidade, que já comanda o Itacoa e o Tiara. De fato, um bar que tem a cara do Rio!

End: Rua Dias Ferreira, 135

Renata com o tradicional picadinho do Tin Tin
Renata Araújo e o chef Rafa Gomes


Jardim Botânico

Escama – frutos do mar

Restaurante especializado em frutos do mar, com foco nos peixes frescos de pescadores locais. Em um casarão de dois andares, o ambiente é jovem, descontraído e acolhedor. No menu, além dos peixes e frutos do mar, há também opções, como, por exemplo, carnes e massas. Além disso, o Escama conta também com uma completa carta de vinhos e drinques.

End: Rua Visconde de Carandai, 5

Renata Araújo no Escama
Carpaccio de vieiras do Escama

Grado – italiano

O excelente italiano fica em um casa super charmosa de dois andares, com direito à cozinha aberta, varanda e jardim de inverno. Os ambientes são super aconchegantes, enquanto a decoração é intimista. Portanto, sob o comando do chef Nello Garaventa, o menu oferece uma experiência com couvert, entrada, prato principal e sobremesa por um preço fixo.

End: Rua Visconde de Carandaí, 31

Jardim de Inverno

Malta – carnes

Com ambiente moderno e sofisticado, o Malta já foi eleito o melhor restaurante de carne no Rio pela Veja Rio. No menu, excelentes cortes de carnes nobres para compartilhar e acompanhamentos, preparados pela chef Aline Cury. Destaque para os cortes nobres da raça Angus (Aberdeen Angus Uruguaio 100%), como, por exemplo, a Costela do Dianteiro, mais saborosa e suculenta das costelas.

Carnes e acompanhamentos do Malta
Renata Araújo no Malta

End: Av General San Martin, 359

Flamengo

Assador – carnes

Com um amplo salão e uma ótima área externa, a churrascaria tem um lindo visual para a Baía de Guanabara. O Assador possui mais de 20 cortes, servidos em formato de rodízio e com diversos acompanhamentos. Entre as carnes, por exemplo, estão o tomahawk e leitão a pururuca!

End: Av Infante Dom Henrique, s/nº

A varanda tem uma vista privilegiada da cidade

Kitchen – asiático

Uma verdadeira fusão de ingredientes chineses, tailandeses e indianos com as culinárias japonesas e francesas na Marina da Glória. Os pratos são de altíssima qualidade, criativos e além disso, com ingredientes frescos, como, por exemplo, tartares, sushis e sashimis. Enquanto isso, os drinques do Kitchen são bem diversos, alguns autorais e também clássicos. Isto sem falar na belíssima vista da Marina da Glória!

Entradinhas asiáticas do Kitchen
Combinado do chef Nao Hara

End: Marina da Glória S/N

Julieta de Serpa – francês

Contruído em 1920, o palacete onde funciona a Casa de Arte e Cultura Julieta de Serpa, conta com um restaurante com decoração típica dos salões dos tradicionais restaurantes parisienses. O menu apresenta pratos variados, assim como fondue durante o inverno. Além disso, o local conta ainda com o Julieta Bar, com drinques assinados pelo mixologista Daniel Milão.

End: Praia do Flamengo, 340

A decoração clássica
Duda Vétere no fondue da Julieta de Serpa

Santa Teresa

Térèze

Detentor de cinco estrelas, o sofisticado e charmoso Hotel Santa Teresa MGallery abriga o delicioso Térèze. Aberto ao público, o restaurante apresenta um cardápio inspirado na gastronomia francesa, com toques criativos da talentosa chef Luana Malheiros. À noite, as luzes acesas nos abajures vermelhos transmitem discrição e elegância ao ambiente. Os alimentos são decorados com pequenas flores coloridas, que mostram a delicadeza na apresentação. No menu, a chef coloca tradicionais, criativos e saborosos pratos, levando a gastronomia francesa à este bairro bucólico do Rio de Janeiro.

End: R. Alm. Alexandrino, 660 – Santa Teresa

Texto e fotos por Renata Araújo e Duda Vetere

4 Dicas para seu planejamento de viagem

  1. Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.
  2. Vai viajar para o exterior e não quer ficar sem celular? Pegue seu número internacional com OMEUCHIP e garanta uma viagem tranquila.
  3. Quer rodar por aí sem depender das opções de transporte local? Alugue um carro com a rentcars.com e siga tranquilo não esquecendo de fazer um seguro auto.
  4. Curta suas férias assegurado com a GTA Seguros e evite a dor de cabeça em caso de acidente, doença, perda de mala ou outras emergências.
Compartilhe
Publicado por
Duda Vetere

Posts recentes

Pendry, o melhor hotel de Newport Beach -destino de luxo na Califórnia

O novo Pendry certamente é o melhor hotel de Newport Beach, destino de luxo na…

7 horas atrás

Um dia em Santiago de Compostela, na Galícia: atrações, restaurantes e hotéis

Roteiro de um dia em Santiago de Compostela, Patrimônio Mundial da UNESCO, capital da Galícia…

2 dias atrás

18 Restaurantes para o Dia dos Namorados em São Paulo

A vibrante metrópole brasileira oferece uma vasta oferta gastronômica para casais em busca de momentos…

3 dias atrás

Loire Bistrô: restaurante francês na Barra da Tijuca

Inspirado na região do Vale do Loire, restaurante francês na Barra da Tijuca tem menu…

4 dias atrás

Restaurantes românticos no Rio para comemorar o Dia dos Namorados

Restaurantes românticos no Rio para comemorar o Dia dos Namorados. O Dia dos Namorados está…

6 dias atrás

Melhores restaurantes do mundo: 50 Best 2024 em Las Vegas

Na lista dos melhores restaurantes do mundo, o vencedor é o Espanhol Disfrutar! E tem…

6 dias atrás