Nesta terça-feira (25), aconteceu em Cingapura, no Sands Theatre, a premiação da revista britânica Restaurant que elege os 50 melhores restaurantes do mundo! O ”The World’s 50 best Restaurants” é considerado o Oscar da Gastronomia, e neste ano, A Casa do Porco, do chef Jefferson Rueda, em São Paulo, fez sua estreia, sendo o único brasileiro a entrar na lista, na 39ª posição. Portanto, se você é fã de gastronomia, assim como nós, continue lendo este post para conhecer os demais integrantes da lista:

+Reserve aqui o seu hotel pelo melhor preço.

+O que fazer nas férias de Julho em São Paulo

Jefferson e Janaína Rueda na premiação

A Casa do Porco fica entre os 50 melhores restaurantes do mundo

O restaurante, inaugurado em 2015, subiu nada menos que 40 posições – ano passado a casa estreou no mesmo ranking na 79º colocação. No Centro de São Paulo, o restaurante super concorrido oferece uma cozinha conceitual brasileira onde o porco é o protagonista. Sim, ele é a única proteína usada no cardápio! Portanto, o chef apresenta pratos com a carne em diferentes formas, texturas e sabores.

Vai viajar para o exterior?

Faça seu seguro viagem com a GTA. Ele é obrigatório para viagens à Europa e recomendável para qualquer viagem ao exterior. Atendimento excelente e parcela em até 12 vezes. Nós já testamos e aprovamos!

Saiba Mais

+Confira os 50 melhores restaurantes da América Latina

Pancetta com goiabada e uma apresentação, certamente, diferenciada!

O Top 10

O Mirazur, que fica em Menton, na França, do chef argentino Mauro Colagreco, foi considerado o melhor restaurante do mundo. Em segundo lugar ficou o dinamarquês Noma, do chef René Redzepi, que já foi considerado o melhor do mundo quatro vezes. Fechando o pódio, o restaurante espanhol Asador Etxebarri, em San Sebastian, de Victor Arguignoz.

+2 chefs estrelados em Paris que vale a pena conhecer

Em quarto lugar, ficou o Gaggan, do chef Gaggan Anand, em Bangcoc, na Tailândia, seguido do Geranium, em Copenhagen, na Dinamarca. Quem ocupa o sexto lugar é o peruano Central, que já foi eleito por três vezes o melhor restaurante da América Latina. O restaurante fica no bairro mais elegante de Lima, e você pode ver mais detalhes clicando aqui.

+Um dos melhores bares do mundo: Floreria Atlântico, em Buenos Aires

O Mugaritz, em San Sebastian, na Espanha ocupa o sétimo lugar. Já em oitavo, está o Arpège, em Paris, do chef Alain Passard. O Disfrutar, em Barcelona, do trio de chefs  Oriol Castro, Mateu Casañas e Eduard Xatruch, conquistou a nona posição. Então, completa o top 10 melhores restaurantes do mundo o peruano Maido, que oferece a culinária Nikkei (fusão da japonesa e peruana).

+Onde comer em Lima

A lista

Em 16º lugar está o Alain Ducasse au Plaza Athenée, em Paris, com três estrelas Michelin, restaurante que nossa editora Renata Araújo já esteve, assim como o The Clove Club, em Londres, que ficou na 27ª posição.

melhores restaurantes do mundo em 2018 5

Alain Ducasse no Plaza Athenee

Além disso, há também o Le Bernardin, de NYC, na 36ª posição, que possui três estrelas Michelin desde 2005, e é especializado em frutos do mar. Já em 42º está o Belcanto, em Lisboa, onde nossa editora comemorou seu aniversário este ano.

Com a equipe do Belcanto!

De 51º a 120°

Além dos 50 melhores, a lista continua até o 120º, e a deste ano tem quatro brasileiros! O D.O.M, do chef Alex Atala, em São Paulo, aparece em 54º lugar. Em 2018, ele ficou na 30º posição. Além disso, ele foi o primeiro brasileiro a entrar no ranking. Outro restaurante paulista, o Maní, da chef Helena Rizzo, conquistou a 73º.

+O primeiro Hotel Four Seasons do Brasil, em São Paulo

Guia Michelin 2017

Chef Alex Atala

Em seguida, do Rio de Janeiro, o Lasai, do chef Rafa Costa e Silva ficou na 73ª posição. Enquanto isso, o estreante Oteque, do chef Alberto Landgraf (que tem ganhado vários prêmios, inclusive uma estrela Michelin recentemente), garantiu a 100ª posição na lista.

Ambiente do Lasai

Completam a lista dos 120 melhores restaurantes do mundo alguns que nossa editora também já esteve fora do país, como, por exemplo, o David Toutain, restaurante com 1 estrela Michelin em Paris, do chef de mesmo nome, na 106ª posição. Assim como o Per Se, um dos melhores restaurantes de Nova York, em 115º lugar, comandado pelo chef Thomas Keller, o mesmo do French Laundry, em Napa Valley.

+7 restaurantes duas e três estrelas em Paris

chefs estrelados em Paris

Um pouco do ambiente do David Toutain

chefs estrelados em Paris

Renata Araújo e David Toutain

Além disso, há também o Epicure, no Hotel Le Bristol, em Paris, com três estrelas Michelin, do famoso chef Eric Frechon, em 117º lugar. E em 107º lugar, o Il Ristorante Luca Fantin, em Tóquio, no Japão, onde esteve recentemente.

+Eric Frechon comemora 20 anos no Le Bristol

O belíssimo salão do Epicure

Portanto, estes são alguns dos 120 melhores restaurantes do mundo! Já ficamos com vontade de conhecer vários,  e vocês? Então, para conferir a lista completa é só clicar aqui. 

Por Duda Vétere. Junho 2019.

Fotos: Maria Vargas, Mauro Holanda, Renata Araújo, Divulgação

4 Dicas para seu planejamento de viagem

  1. Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.
  2. Vai viajar para o exterior e não quer ficar sem celular? Pegue seu número internacional com a EASYSIM4YOU e garanta uma viagem tranquila.
  3. Quer rodar por aí sem depender das opções de transporte local? Alugue um carro com a rentcars.com e siga tranquilo não esquecendo de fazer um seguro auto.
  4. Curta suas férias assegurado com a GTA Global Travel Assistance e evite a dor de cabeça em caso de acidente, doença, perda de mala ou outras emergências.