11 incríveis restaurantes no Itaim, em São Paulo

O charmoso e sofisticado bairro Itaim Bibi, em São Paulo, nos presenteia com uma gastronomia requintada e de qualidade. Neste post, você vai conhecer 11 incríveis restaurantes no Itaim, para desfrutar de uma culinária excelente. Dentre a lista que o You Must Go! preparou, estão, por exemplo, restaurantes de comidas japonesas, amazônicas e italianas. Todas, claro, aprovadas in loco por nós. Portanto, se está preparando uma estadia no Itaim Bibi, não perca essas dicas. Afinal, você deve ir em algum destes restaurantes!

Aliás, conheça outros restaurantes em São Paulo:

Aliás, se você tem planos de viajar para São Paulo, não esqueça de conferir aqui nossa seleção dos melhores hotéis e de reservar com o Booking, nosso parceiro!

10 restaurantes no Itaim


1) Banzeiro: Amazônico restaurante no Itaim

A gente começa esta lista com o Banzeiro, um restaurante que acumula prêmios, como o “Melhor da Cidade”, da Revista Veja Manaus Comer & Beber, e “Melhor Restaurante do Norte”, da Revista Prazeres da Mesa. Com uma culinária amazônica de tirar o fôlego, assinada pelo chef Felipe Schaedler, o menu dispõe de muita autenticidade e elegância. Assim, destaque para o Pirarucu curado no missô, servido com pó de formiga e farinha do Uarini hidratada com caldo de molho de soja. A casa conta com uma decoração aconchegante, inspirada na cultura da região Norte e dos povos indígenas.

Vai viajar para o exterior?

Contrate aqui seu seguro viagem, testado e aprovado por nós!

Saiba Mais

End: Rua Tabapuã, 830, Itaim Bibi

2) O segundo Gero de São Paulo, no Fasano Itaim

O hotel Fasano Itaim Bibi possui dois bares e dois espaços de gastronomia, sendo um deles o renomado restaurante Gero. O primeiro bar é do lobby, agradável e discreto. Na sequência, fica o Gero com capacidade para 100 pessoas, varanda e uma sala privativa para até 20 pessoas. Aliás, a decoração é belíssima e clássica. No comando, o experiente Lomanto Oliveira, que está há 18 anos no grupo. Assim, o Gero Itaim prima pelos ingredientes e pratos clássicos da culinária italiana, como risotos, massas, carnes e alguns peixes.

End: Rua Pedroso Alvarenga, 706

3) Imakay: O oriental restaurante no Itaim

Apresento-lhes o Imakay, um oriental comandado pelos jovens chefs David Rodrigues e Juan Pablo. O ambiente, com a cozinha aberta, expressa nuances modernas e a decoração sofre influências japonesa e peruana. Aliás, assim como o Gero, a casa também tem uma sala privativa que comporta até 12 pessoas. Os peixes chegam diariamente super frescos, garantindo sabor e qualidade nos pratos. Do balcão, saem sushis e sashimis deliciosos, como, por exemplo, o sushi nikkei, típico do Peru, de atum selado ao molho de pimenta e ovas amarelas de tobikô. No entanto, uma boa pedida da cozinha quente é o atum selado na parrilla com vagem tostada e dois molhos clássicos peruanos.

End: Rua Urussui, 330 – Itaim

4) Kazuo: restaurante asiático no Itaim

Kazuo Harada é ex-chef do Mee, restaurante asiático do Belmond Copacabana Palace, e agora comanda a cozinha do Kazuo, que oferece uma verdadeira viagem pela culinária da Ásia. O ambiente arrojado foi projetado por Naoki Otake, uma especialista em arquitetura japonesa. Há um imponente Sushi Bar no meio do salão, onde é possível acompanhar de perto o trabalho dos chefs. No menu, a experiência omakase (menu degustação) apresenta ostras, sushis e sashimis. Os peixes, aliás, seguem a tradição japonesa com espécies comuns da região de consumo e de onde encontram-se as correntes de água mais frias. O bar e os drinques também são pontos altos do Kazuo. Assinada por Alex Sepulchro, a carta dispõe de coquetéis clássicos e o autorais, como o Tokyo Milk Punch que é composto por uva verde, abacaxi, Lillet, vodka, sakê, Monin vanilla, limão siciliano e licor de yuzu.

End: Rua Prudente Correia, 432, Jardim Europa. Tel. 11 97620-8488 / 3062-5241

5) KŌON: Japonês comandado por chef estrelado

O chef Rafael Hidaka já acumulou estrelas Michelin ao comandar o restaurante Mee, do Belmond Copacabana Palace. Agora, Hidaka está à frente do KŌON, um restaurante com menu que casa as culinárias brasileira e japonesa. A fim de deixar o ambiente elegante e requintado, a casa foi erguida com o pé direito alto e a cozinha aberta. Assim, a estrutura fica dividida entre salão principal, deck com teto retrátil, mezanino para eventos, além de um belíssimo bar. Por fim, no cardápio existe uma releitura da cozinha japonesa tradicional. Destaque para o Omakase, servido no balcão de Sushi Bar e executado pelo chef Billy Tatsushi.

End: Rua Dr Mario Ferraz, 441

6) Le Bulô

O restaurante francês, comandado pelo premiado chef carioca Ricardo Lapeyre, desembarcou em São Paulo com uma pegada brasserie do mar. Assim, o foco da cozinha é a brasa e a variedade de frutos do mar, com os peixes mais frescos. Enquanto isso, o ambiente aconchegante tem ares novaiorquinos e franceses contemporâneos, bem claro e minimalista. Portanto, uma experiência gastronômica sofisticada e repleta de sabores!

End: R. Manuel Guedes, 233

7) Le Quartier: complexo gastronômico dos Troigros

O famoso chef franco-carioca, Claude Troigros, nos surpreende com o Le Quartier, um complexo gastronômico com dois restaurantes – ainda há previsão para um terceiro. O acolhedor Boucherie funciona nos moldes do CT Boucherie. Ou seja, você escolhe a proteína e os acompanhamentos vem em sistema de rodízio. No complexo, há ainda o bar do Quartier com shows de jazz. Plaquinhas penduradas nas paredes e pequenos quadros negros com os nomes dos pratos dão um toque a mais ao ambiente. Enquanto isso, os tijolos de barro dão um ar rústico, junto com o mobiliário de madeira. O Poterhouse já vem à mesa fatiado e é uma ótima pedida: alcatra, contrafilé e filé mignon. No entanto, vale dizer que os pescados grelhados também fazem sucesso.

End: Rua Professor Tamandaré Toledo, 25, Itaim Bibi

8) Locale Trattoria: Um clássico italiano

Sob o comando do Grupo Locale, dos irmãos Gabriel e Nicholas Fullen, a Locale Trattoria, além da boa gastronomia, tem um ambiente intimista com o clima romântico e reservado. O restaurante conta com uma loja de vinhos da Grand Cru e um menu clássico italiano. O destaque culinário é para o badejo em crosta com espaguete de legumes, além do mignon com risotto de funghi. Por fim, vale experimentar o cremosíssimo tiramissu servido com um crisp à parte para dar crocância e charme à clássica sobremesa italiana.

End: Rua Manoel Guedes, 369, Itaim

9) A gastronomia mundial do restaurante Loup

Com ambiente agradável e arborizado, o Loup oferece um cardápio de comidinhas para compartilhar de vários lugares do mundo, a partir de uma releitura contemporânea e focada em frutos do mar. Portanto, há pratos da Itália, França, Portugal e Brasil, e até lugares mais exóticos como a Tailândia. Aliás, os destaques culinários vão para o Tartar Thai e o risoto de frutos do mar.

End: R. Dr. Mário Ferraz, 528 – Jardim Paulistano

10) O restaurante japonês Watanabe, no Itaim

Inspirado no nome do próprio chef, Denis Watanabe, o Watanabe é um japonês que mescla técnicas tradicionais com um toque contemporâneo. O ambiente é aconchegante e a dica é sentar no balcão para acompanhar de perto o trabalho minucioso dos chefs. Influenciado pelas renomadas casas Nobu e Zuma, o Watanabe tem uma variedade de sashimis, sushis e makis. Destaque também para a cozinha quente comandada por Luiz Vieira, com foco nos grelhados e nos nori snacks feitos no forno a carvão. Para fechar o menu, a confeitaria do Watanabe é feita em parceria com a Momonoki, especializada em sobremesas inspiradas na culinária japonesa, mas com técnicas francesas. Aliás, o Petit gâteau de matcha com sorvete faz sucesso!

End: R. Pedroso Alvarenga, 554 – Itaim Bibi

11) Yū: Badalado restaurante de comida japonesa

Comandado pelas mãos do experiente chef José Maria Azevedo, o Yū, que significa “excelência” em japonês, tem uma decoração moderna e apresenta uma gastronomia clássica do Japão. Com atendimento ágil e atencioso, o restaurante – do Grupo Saints – dispõe de peixes frescos no cardápio, além de ter um balção convidativo e um jardim interno sensorial com elementos de pedra e areia. Para harmonizar com os saborosos pescados, além dos saquês, há também a carta de drinques assinada por Laércio Zulu, com receitas autorais e clássicas.

End: R. Jeronimo da Veiga, 121 – Itaim Bibi

Outubro 2023.
Fotos: Renata Araújo e Divulgação

Texto: Leonardo Marchetti

4 Dicas para seu planejamento de viagem

  1. Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.
  2. Vai viajar para o exterior e não quer ficar sem celular? Pegue seu número internacional com OMEUCHIP e garanta uma viagem tranquila.
  3. Quer rodar por aí sem depender das opções de transporte local? Alugue um carro com a rentcars.com e siga tranquilo não esquecendo de fazer um seguro auto.
  4. Curta suas férias assegurado com a GTA Seguros e evite a dor de cabeça em caso de acidente, doença, perda de mala ou outras emergências.

Compartilhe: