Você sabia que Tóquio é a cidade com mais restaurantes estrelados no mundo, superando até Paris? E não são apenas de cozinha japonesa, há para todos os gostos! Vários grandes chefs internacionais tem ali suas casas, como, por exemplo, o falecido Joel Robuchon, Alain Ducasse, Dominique Bouchet, Luca Fantini, Pierre Gagniere… Mas prepare-se: os melhores restaurantes de sushi são bem peculiares. Esqueça qualquer animação ou decoração exótica. A protagonista ali é a comida! Confira, então, nossas dicas de 7 restaurantes em Tóquio, todos provados e aprovados:

-> Reserve aqui o seu hotel no Japão pelo melhor preço.

Os melhores restaurantes em Tóquio

L’Atelier de Joël Robuchon

No restaurante francês do renomado chef, com 2 estrelas Michelin, em Roppongi Hills, come-se no extenso e lindíssimo balcão. Aliás, o maior que já vi em seus restaurantes – diga-se de passagem, com a tradicional decoração em vermelho. Uma mescla de casual e elegante ao mesmo tempo. Dali, o comensal observa cada detalhe dos pratos feitos pelos jovens chefs de variadas nacionalidades.

+Top 5 hotéis de luxo em Tóquio

Vai viajar para o exterior?

Faça seu seguro viagem com a GTA. Ele é obrigatório para viagens à Europa e recomendável para qualquer viagem ao exterior. Atendimento excelente e parcela em até 12 vezes. Nós já testamos e aprovamos!

Saiba Mais

O balcão

O menu a la carte oferece pequenas porções de grandes clássicos, enquanto os menus fixos, tanto para almoço quanto jantar, podem ser de 4, 5, 6 ou 7 passos. Comida francesa irretocável, com toques modernos e inclusão de ingredientes japoneses.

Endereço: Japão, 〒106-0032 Tokyo, Minato City, Roppongi.

Certamente um restaurante imperdível em Tóquio

Ginza Iwa

Com 1 estrela Michelin, o restaurante tem apenas 7 lugares no balcão. Além disso, não espere por cardápios. O menu é o Omakase e o cliente apenas informa ao chef se tem alguma intolerância alimentar. Aliás, é impossível não haver interação entre os sete comensais sentados lado a lado, afinal, os pratos são servidos simultaneamente a todos.

+O disputado café da Tiffany, em Tóquio

O restaurante fica em uma portinha

Há dois horários de reservas, ou seja, apenas 14 sortudos por noite terão a chance de provar as iguarias do jovem Hisayoshi Iwa, muito simpático e epirituoso. Mesmo quando o cliente diz que não gosta de alguma coisa, com seu jeitinho engraçado, ele tenta te convencer a provar. Portanto, quando você se dá conta, experimentou tudo o que foi oferecido.

Endereço: Japão, 〒104-0061 Tokyo, Chuo City, Ginza.

Com o simpático chef

II Ristorante – Luca Fantin

Com uma estrela Michelin e dentro da sofisticada loja da Bvlgari, o restaurante (onde homens só entram de camisa social ou paletó) fica no coração de Ginza. O ambiente é elegante e a comida impecável, sendo 90% dos ingredientes locais. Morando no Japão há nove anos, Fantin também é responsável pelos restaurantes dos hotéis Bvlgari em Osaka e Bali. Além disso, o restaurante está em 18º lugar na lista dos 50 melhores restaurantes da Ásia.

+O que fazer em Tóquio

O ambiente certamente chama a atenção

Aliás, foi lá que tive uma experiência bem inusitada: estava ainda comendo a entrada quando senti e mesa tremer e ao olhar pra cima, vi os suntuosos lustres balançarem. No começo não entendi direito o que estava acontecendo. Depois percebi. Presenciei um pequeno terremoto, que durou cerca de cinco segundos. Coisa corriqueira no Japão. Mas o primeiro da minha vida. Foi tão rápido que nem deu tempo de sentir medo, ufa!

Endereço: 2 Chome-7-12 Ginza, Chuo City

Nadaman

O restaurante japonês do Shangri-la Hotel, comandado pelo chef Takehiko Yoshida, tem um ambiente moderno e uma linda vista para a cosmopolita Tóquio. Logo na entrada, destaque para a obra de arte feita com papel! O sushibar fica em um balcão com capacidade para 10 pessoas, onde é possível acompanhar todos os processos dos pratos. No cardápio, são oferecidos três opções de menu: sushi bar, teppanyaki e kaiseki.

Endereço: 1 Chome-8-3 Marunouchi, Chiyoda City

Linda a decoração!

Peter

Localizado no Peninsula Tokyo, ele fica aberto tanto para almoço quanto para o jantar, e surpreende pela vista magnífica de Tóquio do 24º andar e exuberante decoração. No cardápio, cortes de carne e frutos do mar frescos, incluindo a carne japonesa maturada a seco e vieiras grelhadas de Hokkaido. Tive um esplêndido jantar ali, onde estava tudo impecável, da burrata, passando pelas vieiras e pela suculenta carne até à sobremesa. Além disso, o serviço primoroso também não pode ser deixado de lado.

Endereço: 1 Chome-8-1 Yūrakuchō, Chiyoda City.

+Roteiro de viagem pela Ásia

hotel cinco estrelas em tóquio

Certamente é um espetáculo a decoração!

 

Shigeyoshi

Também estrelado, é daqueles lugares que você vai se lembrar pra sempre. O ambiente é um pouco maior do que o Ginza. Dei sorte e tive o restaurante só para mim, em um almoço de uma mera quarta-feira. Recebida pelo dono, o chef Kenzo Sato’s que falava poucas palavras de inglês, um esquema parecido com o outro. Há opção de três menus, de 7, 10 ou 12 pratos, sendo que você escolhe qual vai querer no momento da reserva.

Ou seja, reservas são extremamente recomendadas!

Pratos criativos, misturas inusitadas porém muito saborosas. Uma cozinha que certamente pode ser descrita como uma excelente comida caseira japonesa.

Endereço: 6 Chome-35-3 Jingumae, Shibuya City.

Signature

Com 1 estrela Michelin, o restaurante francês do Mandarin Oriental é comandado pelo chef Luke Armstrong. Ele faz um trabalho minucioso e usa os melhores ingredientes, sendo a maioria do Japão. Tive um jantar impecável por lá! Escolhi um menu de seis passos e saí leve e satisfeita, já que o tamanho dos pratos foi ideal. Aliás, me lembro bem do tartare de tomate com ovas de salmão em apresentação bem delicada. Em seguida, deliciosas vieiras e de principal, fui de bife japonês – super macio,  com legumes.

Ambiente sofisticado e elegante!

" class="owl-item">
" class="owl-item">
" class="owl-item">
" class="owl-item">

Claro que a autêntica patisserie francesa não poderia faltar, em uma torta de chocolate com frutas vermelhas. O serviço foi impecável durante toda a noite. E acredito que por eu estar sozinha, fui ainda mais mimada, o que achei de uma gentileza ímpar. Adorei ter conhecido o sous chef Nicolas Bouejema, que além de um craque, é uma simpatia! Além disso, o hotel conta ainda com mais 11 bares e restaurantes, como, por exemplo, o novo Sushi Shin by Miyakawa, e o estrelado cantonês Sense.

Sous chef super simpático!

Portanto, quem estiver planejando uma ida à capital japonesa, anota estas dicas! Vai curtir os Jogos Olímpicos de Tóquio em 2020? Então aproveite para incluir estas delícias no roteiro 😉

*Texto publicado pela jornalista Renata Araújo na Revista Viaje Mais Luxo. Fotos por Renata Araújo. Setembro 2019.

4 Dicas para seu planejamento de viagem

  1. Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.
  2. Vai viajar para o exterior e não quer ficar sem celular? Pegue seu número internacional com a EASYSIM4YOU e garanta uma viagem tranquila.
  3. Quer rodar por aí sem depender das opções de transporte local? Alugue um carro com a rentcars.com e siga tranquilo não esquecendo de fazer um seguro auto.
  4. Curta suas férias assegurado com a GTA Global Travel Assistance e evite a dor de cabeça em caso de acidente, doença, perda de mala ou outras emergências.