Rainha do rococó, Maria Antonieta era referência na moda

Por Renata Araújo

Fomos provar o jantar harmonizado e aula de história na Grand Cru, em Ipanema.

Grand Cru Ipanema

Maria Antonieta e receitas da época

Quando recebi o convite do Grand Cru e soube que seria mais um jantar da série Gastronomia Histórica, já me animei! Sabia que seria uma noite divertida: um jantar harmonizado e ainda uma aula de história sobre uma personagem polêmica e fascinante, a rainha Maria Antonieta.

Gastronomia Histórica

A rainha Maria Antonieta, símbolo de elegância


Gastronomia Histórica

As receitas da época serviram de inspiração para o jantar e foram harmonizadas com vinhos franceses e húngaros, selecionados pelo sommelier Michel Couto.

jantar harmonizado

O sommelier Michel Couto fez a seleção dos vinhos

Grand Cru Ipanema

Vinhos e espumante servidos no jantar harmonizado

Abrindo a noite, o “travesseiro real” de brie e nozes com tâmaras sobre leito de folhas verdes. Uma delícia! Depois um linguado grelhado com purê cremoso de batatas e espinafre. E mais uma receita real: frango ao estragão com guisado de cogumelos e bacon. Fiquei pensando que não era nada mal ter vivido naquela época, na França,  com tantas receitas gostosas…

jantar harmonizado

Travesseiro real: queijo brie, nozes e tâmaras

Onde jantar em Ipanema

Linguado grelhado com purê cremoso, um dos pratos principais

Restaurante em Ipanema

Frango real: com estragão, cogumelos e bacon

Ana Roldão, historiadora portuguesa, comandou a apresentação sobre a rainha do rococó, símbolo de elegância e beleza na França do Sec XVIII.

Ouvimos histórias incríveis sobre a vida de Maria Antonieta, seus amores, roupas e costumes da época.
Nas fotos a gente vê que durante a apresentação todo mundo estava bem  interessado!

Jantar e aula de história

Durante o evento fomos sendo apresentados aos vinhos: os franceses Petit Bourgeois Sauvignon Blanc 2010 e Chateau La Motte 2009, além do húngaro Disznókó Furmint Late Harvest 2009. O grand finale foi mais uma deliciosa surpresa: parfait de limão siciliano  e jasmim com coulis de morangos e manjericão. Quer dizer, uma não. Duas surpresas! Os clássicos macarons.

Receita diferente de sobremesa

Casamento perfeito: parfait de limão com morangos e manjericão

Onde comer maarons

Os macarons servidos depois da sobremesa: sempre bem-vindos

Aqui coloquei um  trecho do filme Maria Antonieta ( Marie Antoinette), dirigido por Sofia Coppola.  É  nas cenas uma referência ao  casamento da rainha com o herdeiro do trono francês Luis XVI de Bourbon, que ficou 7 anos sem ser “consumado”!

Curiosidades:

Maria Antonieta se casou  em 1770, com apenas 14 anos. Ela se tornou rainha da França 5 anos depois.

-Por causa do “casamento não consumado” surgiram boatos de que a rainha seria estéril.  Mas não era: a primeira filha do casal, Maria Teresa Carlota, nasceu em 1778.

Os eventos no Grand Cru acontecem duas vezes por mês. A próxima Gastronomia Histórica ainda não tem data marcada. Mas já damos pra você uma ótima dica: na próxima quarta-feira, 22/05, acontece o Grand  Tasting, na Grand Cru de Ipanema. São 23 produtores de  seis países: Itália, Espanha, França, Chile, Argentina e África do Sul.

Fotos:Renata Araújo / Divulgação

Leia também:

Doces portugueses fazem sucesso no Rio
Primavera na Europa
Desgustação de azeites no restaurante Irajá, em Botafogo
Novas pizzas na Stravaganza
Degustação de rosés no Vieira Souto
Aprazível: ótima comida com visual incrível
Os melhores macarons de Paris, agora no Rio
La Fiduccia: um restaurante de luxo em Copacabana

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.