Visto para os EUA
Mais de dois milhões de turistas brasileiros visitaram os Estados Unidos em 2014 e sabemos que tirar o visto para os EUA não é uma das tarefas mais simples. Entrevistamos o cônsul americano no Rio de Janeiro, Brian Corteville, que respondeu perguntas sobre como tirar o visto para os EUA e esclareceu dúvidas comuns aos viajantes.
Como tirar o visto EUA

Como tirar o visto para os EUA

1)      Qual o passo a passo e os pré-requisitos para um brasileiro tirar o visto para os EUA hoje?

O primeiro passo para iniciar o processo de solicitação é visto é preencher o formulário online DS-160 aqui. Depois de preencher o formulário, o solicitante precisa se cadastrar no site de agendamentos e pagar taxa MRV. Quando o pagamento da taxa for confirmado, o calendário com as datas disponíveis para agendamento serão liberadas. Depois do agendamento, é só comparecer primeiro ao CASV (Centro de Atendimento ao Solicitante de Vistos). É preciso tirar a foto e coletar digitais e depois ir ao consulado para a entrevista.  Com relação aos pré-requisitos, existem várias categorias de vistos e cada uma exige infos diferentes.

Os melhores hotéis de NYC

Como tirar o visto

No caso de visto de turismo é preciso comprovar laços fortes com o Brasil. Tem que mostrar que vai retornar ao país depois de uma viagem temporária aos Estados Unidos. Os laços podem ser comprovados por emprego fixo, matrícula na faculdade, renda familiar mensal, imposto de renda, bens que possui, entre outros. Não existe um documento específico que deva ser apresentado. O que sempre recomendamos é que tragam os documentos que acreditem irão ajudá-los a comprovar os seus laços com o Brasil (financeiros, sociais, familiares, etc.). Caso o oficial consular solicite algum dos documentos no momento da entrevista, você estará pronto.

Dicas de 5 restaurantes no Soho

Em que cidades se tira o visto

2)      Quem mora em cidade que não tem consulado deve fazer o que?

Quem mora em cidade que não possui consulado/embaixada precisa realmente ir ao CASV e Consulado/Embaixada mais próximo. Os solicitantes podem agendar suas entrevistas em dias consecutivos no CASV e na embaixada / consulado. Por isso os CASVs estarão abertos aos domingos para facilitar esse processo.  Existem algumas cidades, como por exemplo, Porto Alegre e Belo Horizonte, que não tem consulado, mas possuem CASV. Os solicitantes podem iniciar o processo nessas cidades e na maioria dos casos de renovação de visto e solicitantes com até 15 anos e 66 anos ou mais não é necessário fazer uma entrevista no consulado/embaixada. Basta o comparecer apenas ao CASV. Em alguns casos, uma terceira pessoa poderá entregar os documentos do solicitante no CASV para iniciar o processo de solicitação do visto. No nosso site da embaixada temos todos os pré-requisitos necessários para participar desses programas.

Visto para os EUA

O entardecer na famosa ponte de San Francisco

O formulário

3)      Muita gente fica confusa ou nervosa na hora de preencher o formulário de visto para os EUA, que é bem grande e específico. Que recomendações o Sr. dá na hora de preenchê-lo?

O formulário é realmente bem longo, mas as perguntas são simples e fáceis de serem respondidas. Recomendamos que os solicitantes respondam sempre as perguntas da maneira mais correta possível e informando a verdade. Uma recomendação que sempre damos é para que o solicitante, durante o preenchimento, salve o formulário para não perder as informações já inseridas. Outra dica sobre o formulário é que as perguntas estão em inglês, mas se o solicitante passar o mouse em cima da pergunta será possível ver a tradução.

A temida entrevista

4)      Depois de preenchido, há uma entrevista. Como o viajante deve proceder?

O solicitante deve chegar ao Consulado apenas 15 minutos antes do horário marcado para sua entrevista. Como eletrônicos e itens de grande volume não são permitidos dentro do consulado, os solicitantes devem deixar esses objetos em casa. Embora muitas vezes haja um grande número de pessoas esperando do lado de fora do Consulado – atendemos a um grande número de solicitantes todos os dias – a maioria dos solicitantes não precisa esperar mais que 30 minutos a partir do horário de agendamento até que seja entrevistado por um vice-consul. A entrevista é em português, uma vez que todos os nossos oficiais consulares recebem treinamento de idiomas antes de chegar no Brasil.

Como tirar visto para os EUA

A Cosmopolita Miami

Dicas para a entrevista

Durante a entrevista, o solicitante terá a oportunidade de explicar ao oficial consular sobre os planos de viagem para os Estados Unidos, falar sobre seu trabalho, estudo e laços familiares no Brasil podendo assim, esclarecer qualquer dúvida que o oficial consular possa ter sobre a solicitação de visto. Os solicitantes poderão trazer documentos que acreditem que irão ajudá-los a comprovar os laços com o Brasil, como extratos bancários ou contracheque, mas na maioria dos casos, o oficial consular não vai precisar ver esses documentos. No final da entrevista, o oficial informará ao solicitante se ele se qualifica ou não para o visto. Se o pedido for aprovado, o candidato deve esperar receber o passaporte com o visto entre 5 a 10 dias úteis. 

5)      Cada vez mais aumenta o número de profissionais autônomos, sem comprovante de renda fixa ou carteira assinada. Isto é um problema na hora de tirar o visto?

Não há problema algum. No caso dos autônomos, o imposto de renda é um documento que pode ser utilizado para comprovar a renda. Outro ponto a ser considerado, são as viagens internacionais anteriores que podem convencer o oficial consular de que os planos de viagem do solicitante são legítimos. Em todos os casos, o oficial consular irá avaliar a situação do solicitante como um todo e decidir sobre suas qualificações para o visto.

o que fazer em los angeles

Letreiro de Hollywood, um dos pontos turísticos de LA

E se o visto for negado?

6)      O que leva uma pessoa a ter o visto para os EUA negado? Qual a razão mais comum?

Hoje em dia o número de vistos recusados é bem pequeno. No ano passado tivemos em torno de 96% das solicitações de vistos aprovadas. Não existe um motivo único, cada caso é avaliado em sua singularidade, lembramos que é muito importante falar a verdade e comprovar laços fortes com o Brasil.

Le District, mercado gourmet de Nova York

7)      Quando chegamos aos EUA sempre temos que enfrentar uma fila enorme na imigração e na maioria das vezes, profissionais não muito simpáticos, o que gera uma tensão logo na chegada ao país, principalmente para aqueles que não falam inglês.  Alguma recomendação neste momento?

A recomendação é tentar manter a calma e responder com informações verdadeiras e claras as perguntas do oficial de imigração. O trabalho do oficial de imigração não é sempre muito fácil, eles precisam ser sérios e não têm muito tempo para dar atenção a todos devido ao grande número de pessoas entrando nos Estados Unidos. De qualquer maneira, é melhor ser paciente e não ter pressa na fila da imigração – suas malas, provavelmente, ainda não terão chegado à esteira de bagagens!

Novo restaurante do Enrique Iglesias, em Miami

Key West

O famoso pôr do sol em Key West

Brasileiros nos Estados Unidos

8)      Quantos brasileiros visitaram os EUA em 2014? Sabe-se quanto gastaram?

Mais de dois milhões de turistas brasileiros visitaram os Estado Unidos em 2014, o que representa um aumento de quase 300% desde 2006. De acordo com o National Travel and Tourism Office, cada turista gastou em média de 5.000 dólares nos Estados Unidos. Várias cidades estão buscando atrair efetivamente turistas brasileiros e muitas lojas e locais turísticos possuem funcionários que falam português para ajudar seus clientes.

Top 5 restaurantes em South Beach, Miami

O que fazer em Nova Iorque

A badalada Times Square em NY

A Embaixada e Consulados dos Estados Unidos no Brasil emitiram mais de um milhão de vistos de não imigrante durante cada um dos últimos três anos fiscais. O governo dos EUA tem investido recursos consideráveis para assegurar o número adequado de funcionários consulares no Brasil, e também fez muitas melhorias nas seções consulares da Embaixada e Consulados para melhor acomodar o crescente número de solicitantes de visto.

Conheça o mercado gourmet do Plaza NYC

As cidades preferidas nos EUA

9)      Quais as cidades mais visitadas por brasileiros?

Orlando, Nova York e Miami são os destinos mais comuns para o turismo. Além disso, muitos brasileiros desejam visitar familiares em locais com grande número de imigrantes brasileiros, como Boston ou Nova Jersey. Há muitos lugares interessantes para visitar nos Estados Unidos – de cidades como São Francisco, a parques nacionais como o Grand Canyon e festivais culturais, como o Mardi Gras em Nova Orleans. Os brasileiros que querem fugir um pouco dos lugares mais comuns podem encontrar mais informações sobre outros destinos nos EUA no site Discover America.

praia Miami

A famosa Miami Beach

Mandarin Oriental NY

A beleza do Central Park no Outono

O visto para os EUA vai acabar para os brasileiros?

10)   Existe algum plano, a curto prazo, dos brasileiros não precisarem mais do visto para os EUA como acontece para vários europeus?

O governo americano continua conversando com o governo brasileiro em relação ao Programa de Isenção de Visto. O Departamento de Estado dos EUA se mantém disposto a discutir regularmente a questão dos vistos com o Brasil e tem tomado ações que facilitam o processo de solicitação de visto.  Por exemplo, se um solicitante já teve um visto no passado ou se enquadra em uma faixa etária especifica, possivelmente nem precisa de uma entrevista e pode solicitar o visto sem ir à Embaixada ou a um Consulado. Embora todos os cidadãos brasileiros ainda precisem de vistos para entrar nos EUA, o processo para solicitar o visto nunca foi tão simples quanto agora. Para mais informações sobre visto ou outros procedimentos, acesse o Facebook do consulado dos EUA ou da Embaixada.

Esperamos que agora você aprendido um pouco sobre o visto para os EUA. Qualquer dúvida, entre em contato com a gente.

Não deixe de ver nosso vídeo com mais dicas de Miami. Aproveite e se inscreva no nosso canal!

Por Renata Araujo

Fotos: Renata Araujo e Divulgação

Março de 2015.

Leia mais:

O que fazer em Los Angeles Reveillón em Miami

O que fazer em Miami além de compras

Empire Hotel, excelente opção no Upper

West Side Key West – o paraíso caribenho dos EUA

Como se casar em Las Vegas

Salvar

Salvar

Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.