Você sabia que hoje, 06, é o Dia da Cerveja? A data é comemorada sempre na primeira sexta-feira do mês de agosto. E o mercado da bebida alcóolica mais consumida do mundo tem crescido bastante, com diferentes estilos e sabores de cervejas artesanais. Portanto, reunimos alguns craques no assunto como sommeliers e jornalistas, para compartilharem as melhores dicas de onde tomar cerveja no Rio. Além, é claro, de nos contar mais sobre o que faz uma cerveja ser especial! Aproveite e leia também sobre o novo D’amici na Barra da Tijuca.

+Reserve aqui seu hotel pelo melhor preço.

Onde tomar cerveja no Rio

Para o jornalista e colunista do YMG, Bruno Agostini, o Brewteco e a Herr Pfeffer são alguns dos melhores lugares para beber cerveja no Rio. “O novo Brewteco, na Gávea, tem mais de 30 torneiras, e uma curadoria de cervejas muito bem feitas, só com rótulos cariocas. Além disso, tem a Her Pfeffer, bar onde aprendi a beber cerveja. Os pratos da culinária alemã harmonizam muito bem”, declara Bruno.

Bruno Agostini

O sommelier e gerente da Fabro Padaria, Pedro Barcellos e Rafael Cavalieri, sous chef do Grupo T.T Burguer, também incluíram o Brewteco nas suas indicações de onde tomar cerveja no Rio. “Seja em qualquer uma das quatro unidades você tem variedade grande de chopes frescos e bem tirados, novidades em lata e garrafas garimpadas pelo Rafael e também uma boa Brahma sem qualquer frescura e afetação”, diz Rafael. Não à toa, o Brewteco foi eleito o melhor bar de cerveja do Rio pela Veja Rio Comer&Beber 2020/2021.

Vai viajar para o exterior?

Faça seu seguro viagem com a GTA. Ele é obrigatório para viagens à Europa e recomendável para qualquer viagem ao exterior. Atendimento excelente e parcela em até 12 vezes. Nós já testamos e aprovamos!

Saiba Mais

Brewteco, bom lugar para tomar cerveja no Rio

Já o sommelier José Padilha, expert de cervejas do Zona Sul, concorda, e ainda acrescenta alguns outros, como a Narreal, em Botafogo, o brewpub Espaço Zero9, em Ipanema, Tio Ruy, na Barra, e a Hocus Pocus DNA, bar conceito da marca em Botafogo. “De fato, o Rio está cheio de bons lugares para tomar cerveja de qualidade”, completa Padilha.

Opinião de quem sabe…

Enquanto isso, a mixologista e sommelière Francesca Sanci e o jornalista de gastronomia e sommelier de cervejas Pedro Landim, elegem o Boteco do Raoni, no Grajaú, um dos melhores lugares para beber cerveja no Rio. “É um boteco que tem alma, frequentado por amantes da bebida. Além da boa comida e bom ambiente, tem todos os tipos de cervejas, e uma ótima seleção de choppes artesanais na torneira, sempre com novidades de microcervejarias”, completa Pedro.

Pedro Landim
Francesca Sanci

Já para o sommelier Edson Carvalho, do @viajantecervejeiro, o Boteco Carioquinha, na Lapa, é o point para beber uma boa cerveja. “É bem antigo, e tem várias opções de cervejas artesanais e com comida de boteco”, conta.

Edson Carvalho

E o que faz uma cerveja ser especial?

Para Padilha são vários fatores como, por exemplo, uma boa receita, ingredientes nobres e frescos e ter um rigoroso controle de qualidade na fábrica . “Mas o principal é a cerveja agradar seu paladar, isso é o mais importante“, diz. Enquanto isso, para Pedro Landim, uma cerveja feita da cabeça de um cervejeiro apaixonado, vai ser sempre uma cerveja única e com bons ingredientes. “Cerveja boa é aquela em que tudo é pensado com muito carinho e cuidado, desde a escolha das matérias primas até o envase, e quando a cerveja chega até o consumidor final”, diz Edson.

José Padilha

Mas, de fato, estas são apenas respostas técnicas. O que realmente faz uma cerveja ser especial é o momento, a felicidade e a companhia. “É aquela cerveja que te proporciona ótimas experiências e que seus aromas e sabores te fazem viajar por boas lembranças. Cerveja boa é aquela que te faz sorrir”, continua Edson. Para Pedro Barcellos, é a junção de três fatores: o lugar, a companhia e o líquido.

Palavras de experts…

”Não existe a melhor cerveja, entretanto, existe a melhor cerveja para cada ocasião, e cada ocasião é única. Uma Brahma gelada, por exemplo, é perfeita quando estou em um boteco almoçando. Enquanto isso, uma Becks é perfeita pra um churrasco. Já uma Heinkenen, pra compartilhar com os amigos, uma New England IPA quando vou a um bar cervejeiro, uma Stout no final da noite com o meu marido e um growler de Catharina Sour quando estou na praia. Em todos esses momentos, essas cervejas são especiais”, explica Francesca. E Rafael Cavalieri completa: “Mais do que lúpulo, fermentação, malte e afins o que torna uma cerveja especial é o momento. Estar ao lado de quem você gosta, dando risadas e curtindo o que tiver no seu copo.”

Rafael Cavalieri, certamente um apreciador de cerveja

Portanto, depois de todas essas dicas de onde tomar cerveja no Rio, já dá para comemorar a data brindando em grande estilo!

Por Renata Araújo e Duda Vetere.

Fotos: Divulgação e Acervo Pessoal.

4 Dicas para seu planejamento de viagem

  1. Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.
  2. Vai viajar para o exterior e não quer ficar sem celular? Pegue seu número internacional com OMEUCHIP e garanta uma viagem tranquila.
  3. Quer rodar por aí sem depender das opções de transporte local? Alugue um carro com a rentcars.com e siga tranquilo não esquecendo de fazer um seguro auto.
  4. Curta suas férias assegurado com a GTA Global Travel Assistance e evite a dor de cabeça em caso de acidente, doença, perda de mala ou outras emergências.