Categorias: BrasilMinas Gerais

Parque das Águas em São Lourenço

Fomos convidados pela Nestlé para uma press trip – quando um grupo de jornalistas é chamado para conhecer um determinado destino –  para ir até o Parque das Águas em São Lourenço, Minas Gerais. Em comemoração aos 125 anos das águas São Lourenço, conhecemos um pouco mais de sua história.

Depois de uma viagem de cinco horas, chegamos ao restaurante Quinta do Cedro para encontrar com o restante de blogueiros e jornalistas paulistas e mineiros. Com um amplo espaço verde e cercado por montanhas, nosso almoço foi com um buffet clássico farto de comida mineira.

Vai viajar para o exterior?

Faça seu seguro viagem com a GTA. Ele é obrigatório para viagens à Europa e recomendável para qualquer viagem ao exterior. Atendimento excelente e parcela em até 12 vezes. Nós já testamos e aprovamos!

Saiba Mais

Ficamos hospedados na Pousada Ananda-Ri, bem simpática e perto do centro da cidade, no Vale dos Pinheiros. São 16 suítes, sala de estar e de leitura, sauna, salão de jogos e piscina com uma linda vista para a Serra da Mantiqueira. Meu quarto era o Especial, com cama de casal, varanda com vista para a piscina, banheira de hidromassagem ao lado da cama, tv, frigobar e ventilador. Adorei, simples, mas confortável e aconchegante.

Chegamos ao Parque das Águas e nossa primeira parada foi conhecer a decoração de Natal sustentável feita pelas artesãs locais. A Nestlé, empresa que assumiu a direção do Parque e da fábrica em 1992, controla rigorosamente a utilização de seus recursos hídricos para que não haja desperdício, além de preservar o meio ambiente e ter como foco a responsabilidade socioambiental. Então com garrafas pets, pisca-pisca de Natal e diversos materiais recicláveis, os voluntários fizeram árvore de Natal, guirlandas e enfeites que além de decorarem o Parque, foram espalhadas pelas ruas de São Lourenço.

Já que fomos no final do dia, aproveitamos para assistir o Entardecer das Garças, uma das atrações do Parque. Na ilha dos Amores, as garças se reúnem conforme o pôr-do-sol se aproxima, com direito até a apresentação de saxofone direto do barco. Muito lindo o cenário que se forma com as garças, as luzes do fim de tarde e a cidade ao fundo.

No dia seguinte (nosso último já), aproveitamos para passar a manhã e tarde conhecendo todo o Parque das Águas e o Balneário SPA, centro hidroterápico.

O Parque das Águas tem 400 mil metros quadrados e me impressionou por sua grandeza. Para quem não conhece, São Lourenço é famosa pela riqueza de suas águas, muitas consideradas medicinais e com propriedades benéficas para a saúde. São 9 fontes de água espalhadas pelo Parque, cada uma com sua característica específica e que todos têm acesso. A Fonte Oriente, por exemplo, é a agua naturalmente gasosa que compramos no mercado e que é comercializada em todo país pela São Lourenço desde 1890.

Tem também a Fonte Ferruginosa, com água mineral ferruginosa e rica em ferro. Claro que o sabor não é dos mais agradáveis (pelo menos para mim, parece que estamos bebendo um prego, rs), mas é indicada para anorexia, anemia e astenia, além de ter que ser consumida com cautela para evitar cólicas. A Fonte Primavera também segue essa mesma linha, com os mesmos benefícios, mas com sabor mais intenso, ajudando ainda a diminuir o cansaço e a fadiga.

Uma que adorei foi a Fonte Jaime Sotto Mayor, com água mineral sulfurosa. Além da água ajudar o tratamento de diabetes, distúrbios do intestino grosso, alergias na pele e doenças do colágeno, a fonte também libera um gás, que ao ser inalado (por pouco tempo!!) alivia a sinusite e problemas respiratórios. Para quem tem rinite alérgica e outras “ites”, já ia querer pedir agora esse gás. Queria levar para casa!

Ah, lembrando que os moradores de São Lourenço podem adquirir uma carteirinha para fazer exercícios no Parque. Depois de uma bela caminhada conhecendo as fontes e suas propriedades, chegou a hora de aproveitarmos o Balneário SPA. Inaugurado em 1935 e ainda com toques coloniais, o centro hidroterápico oferece diversas técnicas e terapias utilizando as águas milagrosas.

Fiz a massagem, a reflexologia (massagem nos pés, deliciosa), uma ducha escocesa – confesso que achei um pouco bizarro, já que você fica em pé no canto de uma sala, enquanto uma pessoa, do outro canto, joga um jato d’agua em todo seu corpo, mas com o tempo você acostuma e dizem que ajuda na circulação, – e terminei com um banho de banheira com lavanda, usando a água sulfurosa. Saí de lá renovada e relaxada. Quem for ao Parque das Águas não pode deixar de conhecer o SPA, que ainda oferece massagens terapêuticas, sauna seca e a vapor, shiatsu, pedras quentes, bamboo, drenagem linfática e ainda diversos procedimentos estéticos.

Adorei conhecer São Lourenço, uma cidade tranquila no Sul de Minas Gerais, com muito verde, montanhas, cavalos… tudo que gosto. Coloque na sua agenda para conhecer o Parque das Águas e depois nos conte o que achou!

Texto e Fotos por Duda Vétere

Janeiro de 2016.

Leia mais:

Seguro de viagem Assist Card

Bar do Cipriani lança nova carta de drinques

As melhores viagens de 2015

Novo cardápio de verão do Quadrucci

4 Dicas para seu planejamento de viagem

  1. Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.
  2. Vai viajar para o exterior e não quer ficar sem celular? Pegue seu número internacional com a EASYSIM4YOU e garanta uma viagem tranquila.
  3. Quer rodar por aí sem depender das opções de transporte local? Alugue um carro com a rentcars.com e siga tranquilo não esquecendo de fazer um seguro auto.
  4. Curta suas férias assegurado com a GTA Global Travel Assistance e evite a dor de cabeça em caso de acidente, doença, perda de mala ou outras emergências.
Compartilhe
Publicado por
Duda Vetere

Posts recentes

50 passeios para fazer no Rio – um Guia por Renata Araújo

resolvi escrever o guia 50 passeios para fazer no Rio. Nele, divido o conteúdo entre…

19 horas atrás

Passeio no Bondinho Pão de Açúcar com desconto

Fomos fazer um passeio no Bondinho Pão de Açúcar. O lugar é lindo e tem…

2 dias atrás

Aplicativos conectam viajantes solo

Aplicativos conectam viajantes solo, uma ótima ideia para quem não gosta de viajar só. Você…

4 dias atrás

Restaurante japonês mais tradicional de São Paulo: Shin Zushi

Shin Zushi: o restaurante japonês mais tradicional de São Paulo, localizado no bairro do Paraíso…

5 dias atrás

Rio Gastronomia no Fairmont Rio e online

A 10ª edição do Rio Gastronomia terá no Fairmont Rio um menu exclusivo preparado por…

6 dias atrás