Estivemos presentes na inauguração oficial da Le Cordon Bleu no Rio! A maior e mais conceituada escola de gastronomia do mundo aporta no bairro de Botafogo, em um espaço de 1,6mil m². Apesar de já estar aberta desde o ano passado, a cerimônia de inauguração aconteceu no final de Junho, com a presença do Monsieur Cointreau, presidente da instituição. Certamente um orgulho e tanto para a cidade!

?Reserve AQUI o seu hotel no Rio pelo melhor preço.

Com o Monsieur Cointreau

Le Cordon Bleu no Rio

A estrutura do campus no Rio segue o padrão das escolas internacionais da rede. Os alunos estudam com materiais originais da escola francesa, tendo à disposição onze cozinhas altamente equipadas. Há também salas de aula, onde é possível, por exemplo, assistir apresentações práticas dos mestres. Além disso, a Le Cordon Bleu carioca vai oferecer um restaurante/café-escola aberto ao público. Ou seja, é a chance para quem não é aluno, poder conhecer de perto a escola!

+Os 10 melhores restaurantes de hotéis no Rio

Vai viajar para o exterior?

Faça seu seguro viagem com a GTA. Ele é obrigatório para viagens à Europa e recomendável para qualquer viagem ao exterior. Atendimento excelente e parcela em até 12 vezes. Nós já testamos e aprovamos!

Saiba Mais

Inauguração oficial da Le Cordon Bleu no Rio

Entre os cursos oferecidos para os alunos inscritos na filial do Rio de Janeiro estão o de Cozinha (Diplôme Cuisine), com duração de nove meses e o de Confeitaria (Diplôme Pâtisserie), com duração de nove meses, por exemplo. E o curso completo, que engloba os dois anteriores (Grand Diplôme), e duração mínima de nove meses. Além disso, há também o Diplôme Boulangerie, com duração de até seis meses.

+Onde comer risoto no Rio

doces da Cordon Bleu carioca

O projeto carioca conta com consultoria do renomado chef francês Roland Villard, que esteve à frente da cozinha do Le Pré Catelan, no Hotel Sofitel, em Copacabana,. Lá, ele conquistou uma estrela Guia Michelin. Entre os chefs convidados para lecionar na nova sede estão nomes de peso, como, por exemplo, Philippe Brye, que foi chef executivo do grupo Troigros. Assim como João Paulo Frankenfeld, que já passou pela cozinha de casas premiadas na França, como o Guy Savoy, três estrelas Michelin em Paris. E além disso, trabalhou no restaurante de Gordon Ramsay, de duas estrelas Michelin, no Hotel Trianon Palace, em Versalhes.

+Novo restaurante saudável em Ipanema

Diplôme CordonTec

O campus da Le Cordon Bleu no Rio é o único do mundo a oferecer o Programa CordonTec. Este é um projeto piloto implementado pela primeira vez em uma escola Cordon Bleu. Ele é voltado para a aprendizagem baseada na experiência profissional de “Aplicação em Restaurante”. Ele tem duração de um ano. Parte das vagas é reservada para bolsistas indicados pela Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec) e pela Le Cordon Bleu. Portanto, é uma oportunidade para os mais interessados poderem desenvolver carreiras profissionais na cozinha e alcançarem os seus objetivos.

+Al Fresco, novo restaurante italiano do chef Pedro de Artagão

Sobre a Le Cordon Bleu

Aberta em 1895, na França, como uma escola de culinária parisiense, a marca se tornou a mais respeitada rede internacional de institutos de artes culinárias e de hospitalidade. Presente em 20 países em todo o mundo, esta é, finalmente, a segunda unidade no Brasil (a primeira fica em São Paulo).

+Arp, novo bar do Hotel Arpoador, no Rio

Por Renata Araújo. Julho 2019.

Fotos: Renata Araujo e Divulgação

4 Dicas para seu planejamento de viagem

  1. Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.
  2. Vai viajar para o exterior e não quer ficar sem celular? Pegue seu número internacional com a EASYSIM4YOU e garanta uma viagem tranquila.
  3. Quer rodar por aí sem depender das opções de transporte local? Alugue um carro com a rentcars.com e siga tranquilo não esquecendo de fazer um seguro auto.
  4. Curta suas férias assegurado com a GTA Global Travel Assistance e evite a dor de cabeça em caso de acidente, doença, perda de mala ou outras emergências.