Capa sushimar

Por Renata Araújo

Aberto a 23 anos, o restaurante Sushimar vem se mantendo como tradição na Gávea. E o que já era bom, ficou ainda melhor, com uma reforma bem simpática: ele ganhou um janelão retrátil e um grande balcão, onde o cliente pode se sentar, e apreciar, enquanto come, o vai e vem da movimentada – no bom sentido – rua dos Oitis.  A casa, comandada pelo casal Claudia Jundi Ribeiro e Fernando Ribeiro, oferece autêntica culinária japonesa em um dos bairros mais charmosos do Rio. Fomos lá conferir a novidade e adoramos!

Sushimar Gávea

Além dos tradicionais sushis e sashimis, estão os Gostosinhos: Dupla de salmão no maçarico com azeite de trufa, flor de sal e raspas de limão siciliano; super saborosos, e Makimono de acelga com pasta de salmão e doritos; bem original e Shikinho de salmão empanado com patê de shimeji; (adorei este nome); Makimono sem alga com, camarão, cream cheese com laminas de abacate e palha de batata doce; Makimono sem alga com ova, salmão, cream cheese, doritos e cebolinha com laminas de abacate e couve crocante; Sushi de salmão prensado com laminas de abacate e couve crocante. Todos muito bem feitos.

Sushimar - tradição na Gávea

No almoço, o restaurante japonês oferece um variado buffet, servido de terça a sexta (exceto feriados), das 12h às 16h, com seis opções entre entradas e pratos principais, frios e quentes (R$48,00), e o almoço executivo, servido de terça a sexta (exceto feriado), com 16 opções de pratos. Além do rodízio, disponível no almoço e nas noites de segunda a quarta. Nele são servidos pratos como os harumakis de legumes e de camarão com catupiry, de entrada, Yakissoba de legumes, frango ou filé, seguido dos sushis, sashimis, makimonos e sobremesa.

Culinária japonesa

Outro destaque é o Dia do Chef. Toda segunda terça-feira do mês, o chef exclusivo da rede Sushimar, Henrique Verdan, vai até o Sushimar Gávea preparar pessoalmente um menu degustação com três deliciosas surpresas produzidas especialmente para a noite (R$18,00). O próximo será no dia 11 de Novembro. O evento acontece a partir das 19hs e é bom chegar cedo porque costuma a lotar.

Sushimar Gavea

Um ponto alto do Sushimar Gávea é a variedade e qualidade das bebidas. Além dos saquês (nacionais e japoneses), capirinhas, caipisaquês e caipivodkas e cervejas (Bohemia, Stella Artois, Devasssa, Eisenbahn e Sapporo), acaba de entrar na carta o Nigori, mais conhecido como saquê branco ou leitoso. Ao contrário da maioria dos saquês que é filtrado para remover os pedaços de grãos, este não é filtrado e por isso tem  aspecto mais leitoso e mais doce, com um cheiro frutado e um sabor suave; ideal para acompanhar pratos condimentados ou para ser consumida como digestivo. Ele deve ser servido bem gelado.

Sushimar

Entre as cervejas, a casa oferece a ‘Kirin Ichiban’, uma cerveja elaborada com o mais puro malte, lúpulo e água e onde é feito apenas o first press, como se diz lá fora, o que torna o sabor marcante e refrescante, perfeito para acompanhar a comida japonesa.

E uma surpresa do Sushimar Gávea é o o uísque japonês Kakubin, da ‘Suntory’, o mais consumido no Japão atualmente.  Com blend de 1937, foi criado por Shinjiro Torii, fundado da Suntory, vem em uma garrafa com design de tartaruga, símbolo da longevidade no Japão. Um clássico no universo do uísque, que pode ser apreciado puro ou no “Highball”, drinque que leva uma dose do destilado, club soba, limão siciliano e gelo, muito pedido pelos jovens japoneses e que está fazendo o maior sucesso nos pubs de Londres. Coisa fina!

restaurante japonês

Uma curiosidade é que este é o mesmo uísque do famoso filme “Encontro e Desencontros” de Sophia Coppola, em que o ator Bill Murray é contratado para o comercial da marca no Japão, como você pode ver no vídeo a seguir.

O restaurante conta ainda com uma decoração bem contemporânea,  com simpáticos personagens de mangás nas paredes, tons de vermelho e iluminação leve. Um restaurante agradável com uma culinária nipônica de respeito. Não à toa virou ponto de encontro de quem mora na Gávea.

Fotos: Barbara Ariston e Divulgação

Leia também:

Kotobuki – um japonês muito além do sushi

Origami: restaurante japonês no Leblon

Sushi Leblon – o melhor japonês do Rio

O tradicional japonês Nik Sushi

Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.