Em minha recente viagem à Ásia, fiquei hospedada no Mandarin Oriental Hong Kong – o primeiro hotel do grupo

Hong Kong foi uma cidade que me impressionou muito: bonita, grandiosa, internacional e cosmopolita. Para quem é 100% urbana como eu, um prato cheio! E um dos pontos altos da viagem foi ter sido convidada para me hospedar no Mandarin Oriental de Hong Kong, o primeiro do grupo, que completou 50 anos recentemente.

É um hotel super premiado, que ganhou no ano passado o título de “hotel do ano” pelo Virtuoso (rede de fornecedores de luxo que dá vantagens a seus clientes em agências e nos cerca de mil hotéis filiados pelo mundo).  Também ganhou, pelo renomado guia de viagem da Forbes, o status cinco-estrelas quatro vezes em 2014: pelo hotel, pelo spa e pelos restaurantes Mandarin Grill e Pierre, sendo que apenas quatro hotéis em todo mundo conseguiram esta classificação.

Vai viajar para o exterior?

Faça seu seguro viagem com a GTA. Ele é obrigatório para viagens à Europa e recomendável para qualquer viagem ao exterior. Atendimento excelente e parcela em até 12 vezes. Nós já testamos e aprovamos!

Saiba Mais

O MO HKK é daqueles hotéis que você leva um tempinho para conhecer bem, já que tem 501 quartos e 10 restaurantes! Sem contar o premiadíssimo spa, com direito à academia de ginástica, a barbearia, o salão de belezas….

Apesar de seus muitos quartos, por ser um hotel bem amplo, você nem percebe que ele seja assim tão grande e nem parece estar lotado, mesmo em seus dias mais movimentados.

Desta vez, o tratamento VIP começou antes ainda de chegar ao hotel. Assim que saí do avião, já havia um receptivo do hotel me esperando no aeroporto e fui de carrinho até a alfândega. Mais luxo, impossível!

Ao chegar ao hotel, como quase sempre acontece, não precisamos ficar esperando no lobby para fazer o check in. A própria recepcionista nos acompanha até o quarto e resolvi tudo ali mesmo. Um conforto a mais para quem acaba de chegar de uma longa e cansativa viagem.

O hotel fica muito bem localizado, no bairro de Central, colado a shoppings de luxo, ótimos restaurantes, além de ser muito acessível de metrô ou ônibus – no caso de Hong Kong, de dois andares, muito fofos, por sinal.

O que mais chama atenção quando entramos no quarto é a vista estonteante do Victoria Harbour, a do skyline de Hong Kong, com seus arranha céus imponentes. O quarto tem um bom tamanho, assim como o banheiro, e todos os dias havia algum mimo pra gente se deliciar.

Quem já se hospedou em algum hotel da rede Mandarin Oriental, sabe que o serviço é algo fora de série. Pois saiba que, na Ásia, esta atenção especial ainda é redobrada!

Consegui perceber isso antes mesmo de chegar ao meu destino, já que tive problemas com meu voo, que foi cancelado, e a concierge, mesmo de longe e antes de eu ter feito o check-in, me ajudou e fez todos os contatos com a companhia área, me passando informações que sozinha eram difíceis de conseguir. Santa Marianne, uma super concierge que não vou esquecer nunca!

Sua cena gastronômica também é, claro, impressionante: restaurantes de diferentes perfis, sendo 3 estrelados pelo guia Michelin (Pierre, com duas estrelas, – e ainda comandado por Pierre Gagnaire, chef premiado com três estrelas – e Mandarin Grill e o cantonês Man Wah com uma estrela cada). No grupo, o total é de 16 estrelas do guia!

Um dos pontos altos da minha estadia foi o almoço no Man Wah, que oferece especialidades locais de forma extraordinária. Nem preciso dizer que são uma delícia!

O MO Hong Kong, em maio, irá ainda ser o hotel oficial da Art Basel. O evento acontecerá no Centro de Convenções do MO e, para celebrar a parceria, o hotel traz novidades: um pacote especial de hospedagem (incluindo entradas para a feira); um menu “artístico” no Mandarin Grill + Bar; coquetéis e chocolates com o tema “arte”; e uma exposição para angariar recursos para a instituição de caridade Operation Smile China Medical Mission.

O Mandarin Oriental Hong Kong se consagra, assim, como um verdadeiro ícone global. Um hotel que consegue juntar estilo contemporâneo sofisticado com a herança oriental, o que o torna muito especial.

Fotos: Renata Araújo

Leia também:

10 hotéis com vista urbana

O que fazer em Tóquio

Mandarin Oriental: um hotel de luxo em DC

Um hotel de luxo em Tóquio: Mandarin Oriental

Mandarin Oriental de San Francisco, um dos melhores hotéis da cidade!

4 Dicas para seu planejamento de viagem

  1. Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.
  2. Vai viajar para o exterior e não quer ficar sem celular? Pegue seu número internacional com a EASYSIM4YOU e garanta uma viagem tranquila.
  3. Quer rodar por aí sem depender das opções de transporte local? Alugue um carro com a rentcars.com e siga tranquilo não esquecendo de fazer um seguro auto.
  4. Curta suas férias assegurado com a GTA Global Travel Assistance e evite a dor de cabeça em caso de acidente, doença, perda de mala ou outras emergências.
Compartilhe
Publicado por
Renata Araujo

Posts recentes

Um tour de Londres pela família real

Um tour de Londres pela família real. Afinal, vale a pena conhecer um pouco da…

8 horas atrás

A aguardada estreia de “Meu Pai”, indicado a 6 Oscar

Na coluna desta semana Guilherme Scarpa fala sobre a estreia de "Meu Pai" que foi…

1 dia atrás

YMG revela: 8 opções de delivery de sorvetes no Rio

Delivery de sorvetes no Rio para os amantes dessa sobremesa tão refrescante e deliciosa. Vale…

2 dias atrás

Cachoeira da Macumba em Itaipava: como chegar

Cachoeira da Macumba, em Itaipava e portanto, vou te ensinar como chegar lá. Ela fica…

3 dias atrás

Loja das cerâmicas Luiz Salvador em Itaipava

A Loja das cerâmicas Luiz Salvador em Itaipava é o lugar ideal para quem quer…

4 dias atrás

Hotel boutique em Petrópolis: Reggia Catarina

Reggia Catarina, um hotel boutique em Petrópolis. Muito bem localizado, no centro da Cidade Imperial,…

5 dias atrás