Por Carla Fiorito

Conheci a Helena Rizzo em Barcelona, em 2003 na casa de amigos em comum, no Bairro Gótico. Ela chegou pra satisfazer um desejo comum a muitos brasileiros que vivem longe do país: comer feijoada! Lembro dela com a mão na “massa”, debruçada sobre o panelão na nossa cozinha praticamente comunitária. Lenço amarrado na cabeça, desse mesmo jeito estiloso de hoje. Aquele momento me marcou: ali tinha dedicação. Estava ali alguém que usava a alma pra cozinhar! Nunca me esqueço da cena seguinte: eu sentada no chão da sala (ela também), os amigos reunidos cada qual se deliciando com a melhor feijoada que provavelmente todos haviam provado em muito tempo.

A encantadora Barcelona

Onze anos se passaram. Helena hoje é considerada a melhor chefe de cozinha do mundo, em prêmio concedido por uma das maiores revistas especializadas no assunto: a britânica Restaurant. Mais de uma década depois, aqui estou eu de novo, sentada ao lado dela, desta vez em um dos melhores restaurantes de São Paulo, comandado por Helena e pelo marido também chef, o espanhol Daniel Redondo.

Vai viajar para o exterior?

Faça seu seguro viagem com a GTA. Ele é obrigatório para viagens à Europa e recomendável para qualquer viagem ao exterior. Atendimento excelente e parcela em até 12 vezes. Nós já testamos e aprovamos!

Saiba Mais

 O Maní, amendoim em Espanhol, é o quadragésimo sexto na lista dos TOP 50 do mundo, ou seja, destino obrigatório para os amantes da boa mesa, aqui elaborada com produtos originalmente brasileiros, associados a técnicas de alta gastronomia.

Já no corredor de entrada do Maní, a chef mostra seus talentos. Aqui como pintora!

A famosa cesta com as incomparáveis lascas de polvilho

Se naquela época ela almejava essa posição? A gaúcha, super easy going apesar da fama e prestígio que alcançou, responde: “Claro que não!”. E como uma modelo publicitária que chegou a capital paulista aos dezoito anos, depois estudante de arquitetura, trilhou o caminho da gastronomia? Nada a ver com herança de família, coisas do tipo: “cresci vendo minha avó cozinhar….”. Não. Helena aprimorou o talento e o prazer que sempre teve em cozinhar. Fez estágios em restaurantes importantes, como o El Celler de Can Roca, em Girona, na Catalunha, eleito o melhor do mundo em 2013. Depois, trabalhou na cozinha do Moo, no hotel Omm, em Barcelona. Por aqui, ganhou experiência ao lado de Emannuel Bassoleil e Neka Barreto.

A top chef Helena Rizzo em ação

Hoje, acredita que o Maní ainda tem muito a melhorar e divide os louros do restaurante sempre cheio com toda a equipe: “somos como uma banda que não pode desafinar”.

O delicioso chips de batata com rosbife e mostarda dijon

Inventiva, a chef está envolvida hoje com as chamadas “plantas alimentícias não convencionais” e estuda trazer ao cardápio do Maní ingredientes como taioba, lírio do brejo e vinagreira. E em meio às suas pitadas de modernidade, garante: “eu podia passer o dia limpando peixe!”.

Falando nele: Peixe do Dia a Baixa Temperatura no Tucupí, com banana da terra e migalhas do Maní

O Ovo: a criativa e ESTUPENDA sobremesa feita com sorvete de gemada, espuma de coco e coquinhos crocantes

E o que o futuro próximo garante a essa moça tão especial? Ainda em 2014 tem o livro do Maní saindo do forno, retomando pratos que fizeram história desde a abertura do restaurante, em 2006. O Maní também chega à Livraria Cultura do Shopping Iguatemi, em versão restaurante-café. E pra fechar, o bairro de Pinheiros vai ganhar uma pequena padaria Maní, com pães do dia, tapioquinha, cafezinho servido como se fosse em casa… Falando em casa, voltei a me lembrar daquela cena de anos atrás, da gente ali, sentada com prato de feijoada no colo e, mesmo depois de provar receitas tão requintadas, agora no Maní, tenho certeza absoluta: há muito Helena já estava no topo!

Fotos: Carla Fiorito

Leia mais:

Enoteca Saint Vinsaint – alta gastronomia e vinhos orgânicos em SP

Le Repas – um charme de restaurante francês em São Paulo

Um restaurante paulista com cara de NY

Shigueru – um verdadeiro restaurante japonês em SP

4 Dicas para seu planejamento de viagem

  1. Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.
  2. Vai viajar para o exterior e não quer ficar sem celular? Pegue seu número internacional com OMEUCHIP e garanta uma viagem tranquila.
  3. Quer rodar por aí sem depender das opções de transporte local? Alugue um carro com a rentcars.com e siga tranquilo não esquecendo de fazer um seguro auto.
  4. Curta suas férias assegurado com a GTA Global Travel Assistance e evite a dor de cabeça em caso de acidente, doença, perda de mala ou outras emergências.
Compartilhe
Publicado por
Renata Araujo
Marcadores: gastronomia sao paulo

Posts recentes

O novo chef do Le Relais Plaza, restaurante do Hotel Plaza Athénée, em Paris

O novo chef do Le Relais Plaza, restaurante do Hotel Plaza Athénée, em Paris. Eleito…

3 horas atrás

Boas vindas ao Talho Capixaba em Ipanema

Boas vindas ao Talho Capixaba em Ipanema. Ele fica em uma bela casa de três…

21 horas atrás

Waldorf Astoria, novo hotel de luxo em Beverly Hills

Waldorf Astoria, novo hotel de luxo em Beverly Hills. Com vistas de tirar o fôlego…

2 dias atrás

Exposição do Andy Warhol no Museu do Brooklyn, em Nova York

Exposição do Andy Warhol no Museu do Brooklyn, em Nova York. Até 19 de junho,…

3 dias atrás

Personalidades e chefs revelam lugares e restaurantes preferidos no aniversário de São Paulo

Personalidades e chefs revelam lugares e restaurantes preferidos no aniversário de São Paulo. A maior…

4 dias atrás

Seguro de viagem cobre isolamento em caso positivo para COVID-19

Seguro de viagem cobre isolamento em caso positivo para COVID-19. é indispensável contratar um seguro…

5 dias atrás