América Central

10 países que permitem a entrada de brasileiros

Com o avanço da vacinação contra a COVID-19 pelo mundo, alguns destinos estão reabrindo as fronteiras para brasileiros. São mais de 70 destinos internacionais com restrições leves ou moderadas à entrada de turistas vindos do Brasil. Alguns, por exemplo, dispensam a obrigação de cumprir quarentena, caso a pessoa já esteja totalmente imunizada. Portanto, confira, neste post, 10 países que permitem a entrada de brasileiros. Além disso, leia também sobre os novos hotéis da Leading Hotels.

+Reserve aqui o seu hotel pelo melhor preço.

Países que permitem a entrada de brasileiros

Colômbia

Para ir ao destino, é preciso seguir alguns protocolos impostos pelo governo como, por exemplo, o teste PCR negativo no máximo 96 horas antes do embarque. Também é necessário que os passageiros baixem o aplicativo Coronapp. Ele informa o estado de saúde do passageiro desde antes da viagem até os 14 dias seguintes. Além disso, os viajantes precisam preencher um formulário ‘Pré-check-in Imigração’ nas 24h que antecedem o voo.

Bogotá, Colômbia

Costa Rica

Antes de mais nada, o passageiro deve preencher o formulário ‘‘Pase de Salud”, ao embarcar. Além disso, todos devem apresentar o código QR Code na chegada ao país. Certamente, é preciso ter seguro de viagem com cobertura de Coronavírus, tratamento e despesas de hospedagem, mesmo se já estiver vacinado.

Vai viajar para o exterior?

Faça seu seguro viagem com a GTA. Ele é obrigatório para viagens à Europa e recomendável para qualquer viagem ao exterior. Atendimento excelente e parcela em até 12 vezes. Nós já testamos e aprovamos!

Saiba Mais

Curaçao

Necessário Teste PCR realizado no máximo 72h antes do embarque. Ele tem que incluir um laudo em inglês com horário da coleta. Além disso, também é possível apresentar um laudo de teste de antígeno realizado nas 24 horas antes do embarque. Crianças com 6 anos ou menos, não precisam realizar os exames se viajando com tutor com teste negativo. Todos os passageiros devem preencher o cartão digital de imigração a partir de 48h antes do embarque. Para a volta, o Brasil certamente exige o teste PCR negativo, feito no máximo 72h antes do embarque. É preciso preencher o passenger location card para conseguir agendar o seu teste. Tem vários laboratórios na ilha, inclusive nos próprios hotéis.

Willemstad, Curaçao

Emirados Árabes

Para entrar em Dubai, os brasileiros devem realizar um teste de COVID até 72 horas antes do embarque. É necessário que seja impresso, em inglês, com QR code válido. Além disso, é preciso um segundo teste ao desembarcar no país. No celular, é preciso baixar o app COVID-19 DXB e também se cadastrar.

O certamente exótico deserto de Dubai

Irlanda

É preciso ter um teste COVID-19 PCR negativo, feito no máximo 72 horas antes da chegada. Além disso, é necessário também preencher um formulário de localização de passageiro. Finalmente, é obrigatória a quarentena de 14 dias.

Maldivas

Os turistas precisam apresentar um comprovante de hospedagem para todo o período da viagem. Além disso, o governo passou a exigir teste PCR negativo feito no máximo 96h antes do embarque. Entretanto, se o visitante ficar em trânsito por mais de 24 horas, será preciso fazer um novo teste na chegada. Todos precisam preencher uma declaração de saúde online 24 horas antes da chegada. Mesmo assim, existe a hipótese de cumprir quarentena.

A certamente paradisíaca Maldivas

Marrocos

Neste mês de julho, mudanças importantes ocorreram nas regras de entrada para brasileiros. Quem estiver totalmente imunizado há no mínimo 14 dias, está dispensado da quarentena obrigatória. Entre as vacinas, o Marrocos aceita Pfizer, Astrazeneca, Janssen e Coronavac. Para embarcar, certamente continua sendo obrigatória a apresentação de exame PCR negativo 48h antes do voo.

Praça Jemaa el-Fna, a principal de Marrakech

México

Não há restrições de entrada para brasileiros, porém existe um processo de triagem na chegada. Caso seja necessário, os turistas vão para a quarentena. Além disso, ao passarem pela imigração, eles deverão preencher um formulário de identificação de fator de risco ao viajante. Trata-se do Cuestionario de Identificación de Factores de Riesgo en Viajeros. Para voltar ao Brasil, certamente é preciso apresentar um teste PCR negativo feito até 72 horas antes da partida.

One & Only Palmilla, em Los Cabos

República Dominicana

Brasileiros devem apresentar teste negativo de COVID-19  feito no máximo 72 horas antes do embarque. Além disso, é preciso preencher um “Bilhete Eletrônico” . Também é imprescindível o QR Code gerado na chegada. Quem apresentar sintomas ou temperatura acima de 38 °C, certamente será submetido a um teste rápido e eventual quarentena e tratamento.

Suíça

No mês de junho, a Suíça anunciou a reabertura do país para brasileiros quem tenham tomado as duas doses da vacina. E o melhor: sem a necessidade de cumprir quarentena! Para quem ainda não foi totalmente vacinado, a entrada também estará liberada. Entretanto, é preciso apresentar um teste PCR ou antígeno com resultado negativo na chegada. Além disso, é preciso quarentena de 10 dias. Entre as vacinas aceitas, estão, por exemplo, Pfizer, AstraZeneca e CoronaVac.

Destino de neve na Suíça

Menores de 18 anos viajando com pais ou responsáveis que estejam totalmente vacinados, certamente estarão isentos das regras de quarentena. Entretanto, será preciso apresentar o certificado de vacinação na chegada ao país. Nele, constam informações completas sobre o imunizante, como, por exemplo, dados pessoais do passageiro. Ou seja, nome completo e data de nascimento, assim como, o local de vacinação. Finalmente, também será necessário preencher um formulário indicando os locais de hospedagem durante a estadia no país.

*EXTRA: França e Canadá anunciam a reabertura do país para brasileiros vacinados.”

Mais dois países anunciaram novas medidas para a entrada de brasileiros: França e Canadá. Na França, os imunizantes aceitos a princípio são Pfizer, Moderna, AstraZeneca e Janssen. O viajante precisará esperar sete dias após a segunda dose. No caso da dose única da Janssen, 28 dias. Já no Canadá, a entrada de brasileiros vacinados será permitida em setembro. As vacinas aprovadas pelo Canadá são AstraZeneca, Pfizer-Biotech, Moderna e Janssen. O governo canadense, assim como o francês, ainda não mencionou sobre a possibilidade de autorizar os vacinados com CoronaVac.

Por Duda Vétere. Julho de 2021.

Fotos: Renata Araújo e Duda Vétere

4 Dicas para seu planejamento de viagem

  1. Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.
  2. Vai viajar para o exterior e não quer ficar sem celular? Pegue seu número internacional com a EASYSIM4YOU e garanta uma viagem tranquila.
  3. Quer rodar por aí sem depender das opções de transporte local? Alugue um carro com a rentcars.com e siga tranquilo não esquecendo de fazer um seguro auto.
  4. Curta suas férias assegurado com a GTA Global Travel Assistance e evite a dor de cabeça em caso de acidente, doença, perda de mala ou outras emergências.
Compartilhe
Publicado por
Duda Vetere

Posts recentes

Novo menu de aniversário do Malta Beef Club

Novo menu de aniversário do Malta Beef Club. A premiada casa de carnes no Jardim…

7 horas atrás

Novo espaço da Johnnie Walker em Edimburgo

Acaba de inaugurar o novo espaço da Johnnie Walker em Edimburgo, um marco para a…

1 dia atrás

Semana do Negroni nos bares do Rio e São Paulo

Semana do Negroni nos bares do Rio e São Paulo. Até este domingo, dia 19…

2 dias atrás

Kazuo, novo restaurante asiático no Itaim

Kazuo, novo restaurante asiático no Itaim. Recém-inaugurado, o ex-chef do Mee volta à capital paulista…

2 dias atrás

3 lugares no Rio para beber vinhos naturais e brasileiros

3 lugares no Rio para beber vinhos naturais e brasileiros. Na coluna Enoteca YMG, Bruno…

3 dias atrás

Primeira viagem aos EUA depois de 18 meses

Primeira viagem aos EUA depois de 18 meses.Fui convidada para participar da IPW, (International Pow…

4 dias atrás