Categorias: You Must See!

Uma seleção de 10 filmes apimentados

Mais um 12 de junho está chegando. E, às vezes, reinventar ou propor algo de diferente para a data não é uma tarefa fácil. Conseguir firmar um namoro, então, é mais complicado ainda. De um jeito ou de outro, todo relacionamento precisa de surpresas ou de pelo menos uma quebra na rotina, para sair do caminho da mesmice e evoluir (ou não). Principalmente em tempos de pandemia. Por isso, Guilherme Scarpa traz na coluna You Must See! desta semana 10 filmes para apimentar o Dia dos Namorados. Assim, a seleção é romântica, safadinha e extremamente passional, não poderia ser diferente. Portanto, promete agradar a todos os gêneros e estilos. Confira! Com certeza você vai se encontrar por aqui, “porque toda maneira de amor vale a pena”. Aproveite para ler também: 10 hotéis românticos no Rio e arredores.

Uma seleção de 10 filmes apimentados para o Dia dos Namorados

Brilho Eterno de uma Mente sem Lembranças (Netflix)
Kate Winslet e Jim Carrey dão vida ao casal apaixonado que tenta se deletar um da vida do outro na trama dirigida por Michel Gondry. Portanto, a paixão é forte, o filme é lindo, e nos remete àqueles amores que deixam marcas. Oi, sumido(a)!

Kate Winslet e Jim Carrey são um casal no filme



Love (Telecine)
Em flashbacks picantes, um homem relembra momentos que teve com a ex, ao descobrir que ela está desaparecida. Então, isso mexe com sua relação com a mulher atual e o filho. Direção de Gaspar Noé. Será o caso de um revival?

A Febre do Rato (Netflix)
O belíssimo e intenso filme de Cláudio Assis, todo em preto-e-branco, narra o encontro de um poeta anarquista (Irandhir Santos) que se apaixona pela bela Eneida (Nanda Costa). Assim, fala dos amores platônicos que são eternos. É o seu caso?

Swing: Em Busca do Prazer (Globoplay)
Para os adeptos do poliamor, um prato cheio. Assim, o longa de Colin Kennedy narra a história de um casal que vive problemas no relacionamento. Na tentativa de apimentar a relação, eles descobrem uma alternativa: encontrar outros parceiros no sexo.

Amor LGBTQI+

Azul É A Cor Mais Quente (Telecine)
A descoberta da sexualidade e a forma com a qual lidar com ela no início da vida adulta são temas do filme de Abdellatif Kechiche. Então, a partir da paixão de Adèle (Adèle Exarchopoulos) por uma menina de cabelo azul (Léa Seydoux), a trama apresenta os altos e baixos de uma relação visceral. Filme vencedor da Palma de Ouro em Cannes. Para quem é intensa(o). 

Vai viajar para o exterior?

Faça seu seguro viagem com a GTA. Ele é obrigatório para viagens à Europa e recomendável para qualquer viagem ao exterior. Atendimento excelente e parcela em até 12 vezes. Nós já testamos e aprovamos!

Saiba Mais

10 filmes para apimentar o Dia dos Namorados

Me Chame Pelo Seu Nome (Netflix)
Tendo como pano de fundo o interior da Itália, o filme de Luca Guadagnino traz belas paisagens e a história de amor entre um adolescente (Timothée Chalamet) e um acadêmico (Armie Hammer). Assim, durante as férias com a família, o rapaz se encanta pelo amigo dos pais e eles vivem “secretamente” essa história indicada a 4 Oscar. Tipo amor de carnaval. 

Um Estranho no Lago (Telecine)
Com cenas de sexo bastante ousadas, o longa narra os encontros que sucedem numa área de nudismo gay na França. Lá, transas e mistérios dão conta da narrativa do longa de Alain Guiraudie. Certamente, para os que querem diversão e pouco comprometimento. 

Os clássicos

Dona Flor e Seus Dois Maridos (Globoplay) 
No clássico da obra de Jorge Amado, Flor (Sonia Braga) se casa com o malandro Vadinho (José Wilker), que acaba morrendo. No entanto, logo após esse episódio, ela se casa outra vez, agora com um homem bem mais velho (Mauro Mendonça). Então, passa a ser assombrada pelo fantasma do falecido e a levar o que a gente chama de “vida dupla”. 

O clássico “Dona Flor e Seus Dois Maridos”, de 1976

Instinto Selvagem (Netflix)
Amor bandido que chama? Quem nunca? Além da cruzada de pernas histórica de Sharon Stone, há muita eletricidade e volúpia na relação da escritora Catharine Trammel e o detetive vivido por Michael Douglas. Sem falar no picador de gelo.

O Espelho Tem Duas Faces (Netflix)
Barbra Streisand dirige o longa indicado ao Oscar em 1997. Nele, ela também interpreta uma professora universitária desajeitada na faixa dos 50. Então, solitária, a personagem desenvolve uma relação de altos e baixos por outro professor (Jeff Bridges), por quem se apaixona. Aquela prova de que o amor pode dar certo, se você tentar (e for maduro). Sem dúvida, um brinde aos românticos incorrigíveis! Feliz Dia dos Namorados!

Barbra Streisand e Jeff Bridges: a busca pelo happy end

Por Guilherme Scarpa. Junho de 2021.


4 Dicas para seu planejamento de viagem

  1. Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.
  2. Vai viajar para o exterior e não quer ficar sem celular? Pegue seu número internacional com a EASYSIM4YOU e garanta uma viagem tranquila.
  3. Quer rodar por aí sem depender das opções de transporte local? Alugue um carro com a rentcars.com e siga tranquilo não esquecendo de fazer um seguro auto.
  4. Curta suas férias assegurado com a GTA Global Travel Assistance e evite a dor de cabeça em caso de acidente, doença, perda de mala ou outras emergências.
Compartilhe
Publicado por
Guilherme Scarpa

Posts recentes

Novo menu de aniversário do Malta Beef Club

Novo menu de aniversário do Malta Beef Club. A premiada casa de carnes no Jardim…

7 horas atrás

Novo espaço da Johnnie Walker em Edimburgo

Acaba de inaugurar o novo espaço da Johnnie Walker em Edimburgo, um marco para a…

1 dia atrás

Semana do Negroni nos bares do Rio e São Paulo

Semana do Negroni nos bares do Rio e São Paulo. Até este domingo, dia 19…

2 dias atrás

Kazuo, novo restaurante asiático no Itaim

Kazuo, novo restaurante asiático no Itaim. Recém-inaugurado, o ex-chef do Mee volta à capital paulista…

2 dias atrás

3 lugares no Rio para beber vinhos naturais e brasileiros

3 lugares no Rio para beber vinhos naturais e brasileiros. Na coluna Enoteca YMG, Bruno…

3 dias atrás

Primeira viagem aos EUA depois de 18 meses

Primeira viagem aos EUA depois de 18 meses.Fui convidada para participar da IPW, (International Pow…

4 dias atrás