Screen Shot 2012-09-27 at 5.36.25 PM

Reproduzo aqui mais um post meu publicado no Caderno Ela Digital, blog de Paris.

Criado em 1980 por dezoito países árabes, junto com a França, o Instituto do Mundo Árabe tem o intuito de pesquisar e disseminar a cultura e os valores árabes – além de promover a cooperação entre os países, sobretudo nas áreas de ciência e tecnologia.

Mas não é só isso. O IMA ainda é cenário de exposições e filmes, além de espetáculos de dança e música e um lugar onde também é possível também aprender o idioma árabe.

 


No nono andar do arrojado edifício, que mistura ferro e vidro em sua arquitetura, formando incríveis mosaicos, há o restaurante panorâmicoLe Zyriab by Noura, especializado na culinária libanesa.

 

Não tem problema se o visitante quiser ir direto para comer, caso não queira conhecer o museu. Ele também pode subir apenas para apreciar a vista panorâmica da Cidade Luz, que é de tirar o fôlego (de Notre Dame a Montmartre, passando pela Bastille, sempre de cara para o rio Sena, claro).

O restaurante funciona para café da manhã, almoço e jantar e também pode ser reservado para eventos fechados. No menu, mais de 30 variedades de entradas, chamadas de “mézzes”, além de homus, tabule, kafta e todas as especialidades árabes. De sobremesa, que tal um mouhallabié? Trata-se de um pudim libanês com sabor de uma flor comestível, chamada de azahar (flor branca), acompanhado por açúcar líquido.

Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.