Irajá

Por Renata Araujo

O restaurante Irajá acaba de ganhar o prêmio de melhor menu degustação do Rio, pelo Comer e Beber da Veja Rio (da qual eu fui jurada) e Pedro de Artagão também recebeu o título de chef do ano.

Irajá

Estivemos lá recentemente e pudemos comprovar que realmente seu menu degustação é fora de série.

Irajá

Inaugurado há três anos e com o título de melhor contemporâneo do prêmio Comer e Beber do ano passado, o Irajá fica em um antigo sobrado em Botafogo e de cara chama atenção por seu ambiente simpático e despojado.

Irajá

Nossa festa de Babette começou com vieiras e uvas deliciosas.

Irajá melhor prêmio

Em seguida, veio um atum dry aged com foie gras, super leve e saboroso. O próximo prato foi uma surpresa: beijupirá, leite de tigre e caqui, mistura excêntrica que deu certo. Logo depois, outra mistura que me chamou a atenção e adorei steak tartare com vôngole.

Irajá Gastrô

Continuando pelo mar, vieram a garoupa com macadâmia e sorbet abacaxi e depois pargo com quiabo – que confesso não ser fã mas nem notei que ele estava ali de tão suave.

Irajá

Depois era a vez do acém com manteiga alho e tutano e um pouco de batata doce.

Irajá melhor prêmio

Para terminar, patê de frutas vermelhas, “crème frâiche”e couscous da praia, coulis de manga e maracujá, capim limão. Tudo impecável.

Irajá Gastrô

Quem não estiver na onda do menu degustação, pode escolher os pratos à la carte e até participar do desafio que Pedro oferece: ele faz um menu que muda toda semana, de acordo com a oferta de produtos no mercado e, claro, a criatividade do chef. Desta maneira, cada vez  que você for ao Irajá Gastrô vai encontrar não apenas um, mas seis ou sete novos pratos elaborados a partir dos produtos encontrados no mercado naquele momento.  É o menu Inspiração e isso, Pedro de Artagão tem de sobra.

Irajá

Do menu à la carte, provei, em outra ocasião, a releitura do picadinho, muito, muito bom, o hambúrguer, de muita responsa, e o famoso bolo de chocolate, responsável pelo restaurante ter ganhado melhor sobremesa no prêmio Rio Show.

Irajá

Pedro consegue fazer uma culinária sofisticada com várias referências brasileiras mas não deixa de ser um pesquisador da culinária internacional. Pedro fez uma incursão pela França e pela Dinamarca a fim de aprimorar seus dotes e saber o que alguns dos melhores restaurantes do mundo tem a oferecer de diferente.

 Irajá

Ganhador do prêmio de chef revelação ano passado, ele já trabalhou com profissinais renomados,  como Roland Villard, Flávia Quaresma e José Hugo Celidônio e vai abrir em breve um bistrô francês com toques brasileiros no Leblon. Nem precisamos dizer o quão ansiosos estamos.

Fotos: Renata Araujo

Leia mais:

Degustação dos vinhos Marques de Casa Concha no Gero Ipanema

PJ Clarke’s – hamburgueria no Leblon

Sushimar – tradição na Gávea

Forneria São Sebastião muda de chef

Novembro de 2014.

 

Quer ajuda para escolher seu hotel? Então, vá no Booking.com. Você consegue os melhores preços, não paga pela reserva e ainda pode cancelar quando quiser.